Urna tem problema e votos são perdidos em cidade do Espírito Santo - ES360

Urna tem problema e votos são perdidos em cidade do Espírito Santo

Equipe do TRE não conseguiu recuperar votos do cartão de memória de uma sessão em Irupi, na região do Caparaó. Ainda não se sabe quantos votos que foram perdidos

Centrão avança em grandes cidades e aumenta seu cacife. Foto: Antonio Augusto/Ascom/TSE
Urna teve problema no registro de votos em Irupi. Foto: Antonio Augusto/Ascom/TSE

Uma urna eletrônica apresentou problema em cartão de memória e os votos depositados pelos eleitores foram perdidos nas eleições em Irupi, na região do Carapaó, neste domingo (15). Segundo o presidente do TRE-ES, o desembargador Samuel Meira Brasil Júnior, o número de votos perdidos ainda está sendo levantado e também o impacto da perda desses votos na eleição do municípios. Além da perda de votos, outras 56 urnas precisaram ser trocadas até as 17h deste domingo, de um total de 7.400 urnas que recebem votos em todo o Espírito Santo.

No caso da urna de Irupi, Meira Brasil explicou que o problema foi no cartão de memória. A equipe não conseguiu acessar os votos e nem recuperar os dados armazenados. “Foi feito laudo técnico, entramos em contato com a equipe do TSE para saber como proceder nesses casos, mas ainda assim não conseguimos recuperar. O fato foi registrado pelo juiz eleitoral e encaminhado para o TSE”, explica.

Atraso na divulgação dos resultados

Mesmo com o atraso na divulgação dos resultados após mudança na transmissão dos dados, o presidente do TRE-ES, Samuel Meira Brasil Júnior destacou que o Espírito Santo foi o primeiro e ter confirmação de recebimento de todos os dados pelo TSE, às 21h36 deste domingo.

Meira Brasil explicou que até 2018, todas as juntas apuradoras dos municípios reuniam as informações e transmitiam para o TRE, que recebia o pacote fechado de dados e fazia a transmissão para o TSE (Tribunal Superior Eleitoral). Na tentativa de aumentar a eficiência do sistema, o TSE passou a receber as informações diretamente das juntas, segundo Meira Brasil. “Isso provocou aumento de acessos aos servidores do TSE e surgiram problemas, como constatamos”, explica.

Apesar de não transmitir diretamente os dados, o TRE-ES acompanhou o processo para ver o que faltava ser transmitido. “O TSE só confirmou recebimento às 21h36, muito embora tivéssemos mandado muito tempo antes”, afirmou.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Mês de homenagens marca festividades de aniversário da Maranata

Dia a dia

Casagrande recebe vice-presidente Mourão no Palácio Anchieta

País

Anvisa deve autorizar uso emergencial de vacinas contra a covid-19

Dia a dia

Vídeo: Bolsonaro recebe Meneghelli e ‘veste a camisa’ de Colatina