Trump perde na Suprema Corte (e um vídeo esclarecedor) - ES360

Trump perde na Suprema Corte (e um vídeo esclarecedor)

Suprema Corte norte-americana rejeitou, por nove a zero, as alegações de fraude nas eleições na Pensilvânia; confira qual a importância dessa decisão e também como ela destrói teorias conspiratórias cada vez mais comuns nos nossos dias

A decisão parece ter passado despercebida por boa parte dos jornais e sites nacionais (ela recebeu pouco destaque mesmo onde foi noticiada), mas Donald Trump foi derrotado nessa terça-feira, dia 8, na Suprema Corte americana: nove a zero contra recontagem de votos na Pensilvânia, abrindo caminho para uma série de decisões nessa mesma linha. O placar é importante porque se falava muito na possibilidade de a maioria conservadora dos juízes fazer valer sua proximidade com Trump e votar a favor do presidente. Ainda mais importante é o fato de não ter surgido nada novo por parte dos advogados do candidato republicano. Porque nas hostes trumpistas havia uma garantia: o presidente tinha várias cartas na manga para provar as fraudes e elas seriam apresentadas quando o processo chegasse à Suprema Corte. A partir disso, levantaram-se várias teses, todas amalucadas. Uma das mais repetidas está no vídeo abaixo. Assista. Vale a pena para ver a união de desinformação (Trump não é o responsável por “fazer cédulas” nos EUA), teoria da conspiração, mentira e venda de realidade paralela. É um ótimo exemplo de como “narrativas” são construídas e replicadas por quem acredita nesses “novos produtores de informação”. Não é, obviamente, algo restrito aos Estados Unidos, ao contrário: exemplos por aqui existem aos milhares e são diários. E há algo curioso: essas teorias invertem a lógica da “explicação simples e, quase sempre errada, para problemas complicados”. Diante de um fato relativamente simples (Biden venceu), eles criam versões, “narrativas”, histórias complexas, porque quanto mais complexas mais aparência de “verdade conhecida por poucos e bem informados” elas terão.  Mas, pensando bem, quem acredita em teorias como essa, do vídeo, precisa mesmo continuar vivendo numa realidade paralela: encarar os fatos quando eles são contrários às suas expectativas pode ser um choque violento demais para mentes acostumadas a criar fantasias para explicar a realidade…

Antonio Carlos tem 32 anos de jornalismo. E um tempo bem maior no acompanhamento das notícias. Já viu muitos acontecimentos espantosos. Mas sempre se sente surpreendido por novos fatos, porque o inesperado é a maior qualidade das coberturas jornalísticas. E também da vida...

Os artigos publicados pelos colunistas são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam as ideias ou opiniões do ES360.


Comentários:

  • O “eu acredito” já é sintoma da fantasia, da realidade paralela em que essas pessoas vivem. Que loucura!

  • De fato, muito importante observar esta derrota por 9 a 0 na suprema corte, considerando os rumores que ele seria favorecido pela maioria de juízes conservadores. Quanto às teorias da conspiração, é assustador o que estamos vivendo.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais Colunas
AstraZeneca pede autorização para uso emergencial de vacina contra covid-19 na Europa. Foto: Pexels

Covid: os (muitos) fatos do final de semana

Um “quem ganha, quem perde” rápido sobre as eleições. Foto: Antonio Augusto/Ascom/TSE

Um “quem ganha, quem perde” rápido sobre as eleições

Trump participa de primeiro evento público após ter diagnóstico de Covid-19. Foto: Shealah Craighead/Official White House

Trump declara vitória (ou: o breve relato de uma longa noite)

Mesmo com vários estados ainda contando votos, presidente dos EUA afirma ter vencido a eleição, fala em fraude e ameaça recorrer à Suprema Corte dos EUA

Biden pressiona Trump a assinar pacote de socorro de US$ 900 bilhões. Foto: Reprodução

O que dizem as últimas pesquisas dos EUA

Biden pressiona Trump a assinar pacote de socorro de US$ 900 bilhões. Foto: Reprodução

Trump x Biden antecipa o debate no Brasil em 2022

Encontro entre candidato republicano e democrata tem temas parecidos com os discutidos hoje pelos brasileiros; estilo do atual presidente serve de referência para líderes...

ES aguarda definição sobre quantidade de vacinas contra a covid-19. Foto: Divulgação/Governo de São Paulo

Tomar ou não a vacina, essa é a nova discussão