STJ sofre ataque hacker durante julgamentos e manda PF investigar - ES360

STJ sofre ataque hacker durante julgamentos e manda PF investigar

O Tribunal suspendeu os prazos processuais até a próxima segunda-feira, dia 9, a presidência da corte informou que já acionou a Polícia Federal (PF) para a investigação do caso

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) afirmou ter sofrido um suposto ataque hacker na tarde desta terça-feira, dia 3, quando aconteciam as sessões de julgamento dos colegiados das seis turmas. A presidência da corte informou que já acionou a Polícia Federal (PF) para a investigação do caso.

Em razão da possível tentativa de invasão à rede de tecnologia da informação, o Tribunal suspendeu os prazos processuais até a próxima segunda-feira, dia 9. Durante o período, as demandas urgentes, como liminares em habeas corpus, estarão centralizadas na presidência da Corte.

O STJ ainda suspendeu e cancelou todas as sessões de julgamento, virtuais e por videoconferência, até o restabelecimento da segurança do tráfego de dados dos sistemas. A área de Tecnologia da Informação (TI) da Corte também recomendou aos usuários – ministros, servidores, estagiários e terceirizados – que não utilizem computadores que estejam conectados com algum dos sistemas informatizados do STJ, até que seja garantida a segurança do procedimento.

Estadão Conteúdo


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Eleições 2020

Candidatos recebem R$ 4,1 milhões para o 2º turno; veja quem mais recebeu

Dia a dia

Covid-19: Espírito Santo tem 23 mortes e 1.789 casos em 24 horas

Mundo

“Cão de guarda” vence prêmio de foto de pet mais engraçada em 2020

País

Fiscal do Carrefour que aparece nos vídeos da morte de João Alberto Freitas é presa