Serra oferece auxílio de R$ 360 ao mês para quem vive na rua - ES360

Serra oferece auxílio de R$ 360 ao mês para quem vive na rua

Para ser beneficiado, a pessoa deve estar na rede de proteção social de média e alta complexidades do município há pelo menos um ano

Pessoas que vivem em situação de rua assistidas pela prefeitura da Serra serão beneficiadas com auxílio-moradia no valor de R$ 360 mensais. A quantia já começou a ser repassada na última terça-feira (1º).

> Pesquisa: viver da rua é ‘motivo’ da violência

A secretária da Sehab (Secretaria Municipal de Habitação), Cristiane Stem, afirma que das 150 pessoas que vivem nessa situação no município, oito delas foram contempladas com o benefício. O grupo foi previamente indicado por parecer emitido pela Secretaria Municipal de Assistência Social.

Ela explica que outras pessoas que estejam dentro dos critérios estabelecidos pela prefeitura também poderão receber o auxílio. Idosos, pessoas com deficiência e mulheres “chefes de família” terão prioridade.

Para ser beneficiado pelo programa, é necessário se enquadrar em alguns critérios estabelecidos. A secretária explica que a pessoa deve estar referenciada na rede de proteção social de média e alta complexidades do município há pelo menos um ano ininterrupto, não ter sido beneficiada por programa semelhante e participar dos programas municipais integrados ao projeto de auxílio-moradia, entre outros.

A cada seis meses será feita uma avaliação pela Sehab para verificar se o beneficiado ainda se enquadra nos critérios e a cada três meses será feita uma prestação de contas para verificar se o valor está sendo destinado apenas ao auxílio-moradia.

Caso a pessoa precise e esteja dentro dos critérios, ela continua a recebendo o auxílio até que uma unidade habitacional seja entregue a ela em definitivo.

Mais notícias
País

Em sabatina, Kassio evita prisão em 2ª instância e inquérito das fake news

Mundo

Papa aprova união civil entre pessoas do mesmo sexo: ‘Eles são filhos de Deus’

Dia a dia

Morre voluntário brasileiro de testes de Oxford; empresa não diz se ele tomou vacina ou placebo

Dia a dia

Ciclone subtropical pode provocar chuva e rajadas de vento no Espírito Santo