Samarco retoma atividades nos próximos dias - ES360

Samarco retoma atividades nos próximos dias

Cinco anos depois do rompimento da barragem em Mariana, a empresa vai voltar a produzir em Minas Gerais e em Anchieta

Cinco anos depois do rompimento da barragem de Fundão  em Mariana (MG), a Samarco vai voltar a operar nos próximos dias, com 26% da capacidade produtiva. O rompimento da barragem no dia 5 de novembro de 2015 provocou 19 mortes e levou rejeitos de minério pela bacia do rio Doce até a sua foz, em Regência, na cidade de Linhares (ES). As operações serão retomadas nos Complexos de Germano, em Mariana (MG), e de Ubu, em Anchieta (ES). Segundo a empresa, este processo conta com a reativação de um dos seus três concentradores, da nova planta de filtragem de rejeitos, de um dos seus minerodutos e da Usina 4 de pelotização.

Para a retomada, a empresa usou novas tecnologias para disposição final de rejeitos, a cava confinada e sistema de filtragem de rejeitos para empilhamento a seco. “O reinício das operações está previsto para os próximos dias, quando se inicia o processo de produção de pelotas de minério de ferro, produto da empresa. As informações sobre a conclusão efetiva e o reinício operacional da empresa serão encaminhadas à imprensa”, informou a empresa, por nota.

Em 2015, ano em que paralisou duas atividades, a mineradora produziu R$ 24,9 milhões de toneladas, sendo 97% em pelotas e 3% em finos de minério de ferro. Para o Espírito Santo, a produção representava na época 5% do PIB (Produto Interno Bruto) do estado.

 


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Espírito Santo pode registrar mais de 450 mortes por covid-19 em janeiro

Dia a dia

Prefeituras da Grande Vitória decidem não voltar com aulas presenciais em fevereiro

Dinheiro

Bolsonaro desafia Doria a zerar imposto sobre combustível

País

Bolsonaro chama Doria de ‘moleque’ e diz que ele e Maia querem sua cadeira para ‘roubar’