Rodovia Leste-Oeste fica no escuro até o final de novembro - ES360

Rodovia Leste-Oeste fica no escuro até o final de novembro

Nos 8km de pista em Vila Velha, os postes já foram instalados, mas ainda não funcionam. Em Cariacica, nenhum foi instalado

Previsão é de que postes de Vila Velha comecem a funcionar a partir de 20 de novembro. Foto: Divulgação/PMVV
Previsão é de que postes de Vila Velha comecem a funcionar a partir de 20 de novembro. Foto: Divulgação/PMVV

Inaugurada em dezembro do ano passado, a rodovia Leste-Oeste, que liga Vila Velha a Cariacica, deve continuar sem iluminação completa até o final de novembro. No trecho de oito quilômetros em Vila Velha, os 329 postes previstos já foram instalados, mas falta colocá-los em funcionamento. Alguns já se encontram em fase de teste de iluminação, segundo a prefeitura, mas a conclusão da obra foi marcada para 20 de novembro. A inserção das bases para a fixação dos postes e a abertura dos dutos que levarão os cabos já foi feita. A extensão da rede, de responsabilidade da EDP, foi concluída no último dia 19 de setembro.

A lentidão na conclusão do trabalho é pior no trecho de três quilômetros em Cariacica, onde nenhum dos 150 postes previstos começou a ser instalado.

Segundo a prefeitura, a empresa contratada está demarcando os pontos onde eles serão colocados. E a previsão, agora, é que tudo seja entregue em meados de novembro, um mês e meio depois da última previsão informada. O atraso, de acordo com a prefeitura, se deve às chuvas das últimas semanas, que afetam o cronograma de obras.

Histórico
Os 329 postes de Vila Velha contam com 345 luminárias de vapor metálico e custaram R$ 2,5 milhões. A prefeitura também incluiu no serviço a instalação de postes nos acessos aos bairros Araçás e Vale Encantado.

Já em Cariacica, o investimento a ser feito é de R$ 1,2 milhão para os 150 postes feitos de aço galvanizado, que terão 100 luminárias metálicas com luz de cor branca.

Mais notícias
Política

PGR pede para manter condenação contra Arthur Lira

Dia a dia

ES tem queda de 16% no número de casos da covid-19

País

Planos devem cobrir novos remédios, exames e cirurgias

Dia a dia

Maranata leva ensinamentos a pessoas com deficiência