Reservas para Réveillon têm queda de 45% em hotéis no Espírito Santo - ES360

Reservas para Réveillon têm queda de 45% em hotéis no Espírito Santo

Atualmente o setor registra uma média de 50% de reservas efetuadas, mas em anos anteriores haveria uma lista de espera para o mesmo período segundo o Sindihotéis

Faltando dez dias para as comemorações do Réveillon, hotéis e pousadas da Grande Vitória apresentam queda de 40% a 45% nas ocupações em média, em um momento de aumento de casos de covid-19 no Espírito Santo e restrições de atividades. Neste ano, devido à pandemia, as prefeituras decidiram cancelar as queimas de fogos que costumam acontecer nas praias.

Segundo o presidente do Sindicato de Hotéis e Meios de Hospedagem do Estado do Espírito Santo (Sindihotéis), Attila Miranda Barbosa, para o Réveillon, as reservas estão acontecendo e há boas expectativas para ocupações nesse período, pois a hotelaria capixaba espera uma média de ocupação de 80%. Atualmente o setor registra uma média de 50% de reservas efetuadas, mas em anos anteriores haveria uma lista de espera para o mesmo período.

Com todas as restrições decorrentes da pandemia a tendência de redução do número de turistas, a entidade acredita que neste verão a tendência é que haja o fortalecimento do turismo interno. A previsão é que esse será o carro-chefe das ocupações nos meios de hospedagem capixabas, principalmente nos municípios do interior do estado, e esse é um movimento que acontece em todos os estados do Brasil. O Sindihotéis ressalta que nas atuais condições, o viajante tem optado por viagens mais curtas, que podem ser feitas com seu próprio carro, mas o turismo externo (de pessoas de outros estados), também começa a reagir.

O turismo interno também é a aposta da Secretaria de Estado do Turismo, que fez uma campanha para orientar que os moradores do estado que precisem viajar optem por destinos sem aglomeração. De acordo com o secretário Dorval Uliana, o estado tem várias opções para atender a esse requisitos, como a região do Caparaó, Itaúnas, praias na região Sul e também Norte, como Linhares e Aracruz.

“Os que optarem por viajar podem ficar atentos se as empresas de turismo como pousadas, hotéis, restaurantes, adotaram o selo de turismo responsável e limpo e de proteção sanitária pela pandemia. Foram elaborados protocolos para 15 atividades econômicas do turismo para garantir mais segurança a quem vai viajar”, destacou Uliana.

Atualmente são 476 empreendimentos com o selo, maioria agência de turismo, meio de hospedagem, Guias de Turismo, restaurantes e transportadoras.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Post de Magno Malta mostra imagens de órgãos genitais

Dia a dia

Terminal de Itaparica volta a funcionar na segunda-feira

Dia a dia

Primeiro trecho das obras do Portal do Príncipe é aberto em Vitória

Mundo

Biden toma posse e inicia guinada contra legado de Trump