Prefeituras da Grande Vitória preparam plano de vacinação contra a covid-19 - ES360

Prefeituras da Grande Vitória preparam plano de vacinação contra a covid-19

Para evitar filas e reduzir as chances de aglomeração entre o público-alvo o agendamento será online em alguns municípios

Ministério da Saúde negocia requisição de estoques de seringas após compra fracassar. Foto: Karolina Grabowska/Pexels
Vacina contra a covid-19. Foto: Karolina Grabowska/Pexels

Prefeituras da Grande Vitória já preparam seus planos de vacinação contra o novo coronavírus. Mesmo que a data para início da campanha de imunização no Brasil ainda não tenha sido anunciada pelo governo federal, Vitória já está pronta para dar início à primeira etapa. A Secretaria Municipal de Saúde da capital (Semus) anunciou que conta com 28 salas de vacinação das unidades de saúde. O planejamento prevê também a imunização em hospitais, em domicílios (para pessoas acamadas) e postos volantes. Para evitar filas e reduzir as chances de aglomeração, o agendamento será online.

> Estado define plano de segurança para armazenar vacinas

Em Vila Velha, 18 salas de vacinação estão disponíveis em unidades de saúde. Também serão definidos locais estratégicos como shoppings, igrejas e escolas para atender o público-alvo. A Secretaria Municipal de Saúde ainda aguarda as definições oficiais que serão estipuladas pelo Ministério da Saúde. No município, a vacinação também será agendada através de uma plataforma on-line que está sendo finalizada pela Secretaria de Tecnologia da Informação.

A Secretaria de Saúde da Serra disse que o Plano de Operacionalização para Vacinação contra a Covid-19 está em fase de elaboração. Há uma estrutura já estabelecida, com atendimento em salas de vacina dentro das Unidades Básicas de Saúde e nas Unidades de Referência. O plano conta ainda com quatro unidades hospitalares, uma maternidade, três Unidades de Pronto Atendimentos e o CDP de Queimados, que geralmente são utilizados para ações de vacinação. A secretaria avalia ainda as necessidades locais para a implantação do aplicativo que permitirá que os cidadãos façam agendamentos online.

Já a prefeitura de Cariacica informou que há um plano de contingência para a vacinação no município. Algumas ações e estratégias ainda estão sendo definidas, como agendamento online, contratação de profissionais para ampliação de locais de vacinação e aquisição de insumos.

Nesta primeira etapa, a imunização será voltada ao grupo prioritário formado por pessoas idosas a partir dos 60 anos que vivem em Instituições de Longa Permanência (ILPIs), munícipes com mais de 75 anos, profissionais de saúde que atuam na linha de frente do combate ao coronavírus e população indígena.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
País

Dezenas de cidades têm carreatas pró-impeachment

Dia a dia

Fiocruz prevê ter insumos da vacina de Oxford só no dia 8

Dia a dia

Margareth Dalcomo recebe a vacina de Oxford

Mundo

Adolescentes começam a ser vacinados em Israel