Prefeito de Piúma é afastado por 90 dias - ES360

Prefeito de Piúma é afastado por 90 dias

Secretário municipal também é investigado por integrar esquema de superfaturamento e direcionamento de contratos em troca de propina

O prefeito de Piúma, José Ricardo Pereira da Costa, conhecido como “professor Ricardo”, e o secretário municipal de Obras e Serviços, André Layber Miranda, foram afastados, nesta quinta-feira, dos cargos por 90 dias. Eles são investigados pelo MPES (Ministério Público do Espírito Santo) no envolvimento das práticas de organização criminosa, fraude em licitação, lavagem de dinheiro e corrupção ativa e passiva.

Eles foram alvos da 2ª fase da Operação Rubi, deflagrada pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado). A operação apura o superfaturamento e o direcionamento de contratos, principalmente de serviços de limpeza, em troca de propina a agentes públicos. O prejuízo gerado pelo esquema de corrupção ainda não foi contabilizado.

Foram cumpridos 12 mandados de busca e apreensão na operação, sendo três em Piúma, dois em Linhares, um em Vila Velha, dois em Cariacica, um em Cachoeiro de Itapemirim e três em Anchieta.

Assim como na 1ª fase da operação, em maio, que resultou na prisão da prefeita de Presidente Kennedy, Amanda Quinta (PSDB) – em liberdade atualmente -, a suspeita é que o prefeito, o secretário e outras duas pessoas teriam favorecido uma empresa de limpeza durante processo licitatório e superfaturado o contrato. Eles estão impedidos de ficarem a menos de 100 metros das sedes da prefeitura e da Câmara.

Durante a 2ª fase da operação Rubi foram apreendidos documentos, celulares, passaportes dos investigados, pendrives e computadores. A partir de agora, os integrantes do MPES vão analisar os materiais e os depoimentos.

O prefeito de Piúma disse que recebeu a medida de afastamento com “estranheza”. De acordo com o “professor Ricardo”, uma das empresas mencionadas no mandado de buscas tem contrato com a prefeitura de Piúma, mas foi licitada na administração anterior. “Estamos colaborando com a investigações, mas não tive acesso aos documentos relativos ao pedido de afastamento.”

A vice-prefeita de Piúma, Regina Martha Scherrer Rocha, assume interinamente a administração a partir de hoje.

Mais notícias
Dia a dia

Chuvas causam transtornos e deixam pessoas desalojadas no ES

Bem-estar

Pesquisa investiga transmissão de covid-19 entre homens e animais

Dia a dia

Formação de ciclone pode causar tempestades nos próximos dias no ES

Política

“Apresentei desculpas e colocamos ponto final”, diz Salles sobre atrito com Ramos