PGR apura se Damares tentou impedir aborto de menina de 10 anos vítima de estupro - ES360

PGR apura se Damares tentou impedir aborto de menina de 10 anos vítima de estupro

No documento enviado ao STF, o procurador Augusto Aras afirma que se houver indícios concretos da participação da ministra, a PGR vai pedir abertura de inquérito contra ela

A Procuradoria-Geral da República abriu investigação para apurar se a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, tentou impedir que uma menina de 10 anos, que engravidou após ser estuprada pelo tio, fizesse a interrupção da gestação autorizada pela Justiça e permitida em lei. O caso aconteceu no município de São Mateus, norte do Estado.

No documento enviado ao Supremo Tribunal Federal, o procurador Augusto Aras afirmou que se houver indícios concretos da participação da ministra, a PGR vai pedir abertura de inquérito contra ela. Por uma rede social, Damares Alves disse que não tem nada a esconder e que pediu investigação do caso por parte da Polícia Federal.

Em agosto, uma reportagem exclusiva do jornal Folha de São Paulo revelou que Damares Alves agiu nos bastidores para impedir que a criança de 10 anos, que engravidou após ser estuprada pelo tio na cidade de São Mateus, fosse submetida ao procedimento de aborto autorizado pela Justiça.

De acordo com reportagem, o objetivo da ministra era transferir a criança para um hospital no interior de São Paulo, onde aguardaria a evolução da gestação para ter o bebê. A reportagem destacou ainda que dois assessores do Ministério foram enviados à São Mateus para tentar convencer conselheiros tutelares a retardar a interrupção da gravidez, oferecendo benfeitorias, como um carro, em troca.

Na época, por meio de nota, o Ministério negou interferência esclarecendo que a equipe foi enviada ao município para dar suporte na condução do caso.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Greve do lixo: Justiça aplica multa e ordena condução de sindicalistas pela polícia

Mundo

Moderna anuncia eficácia em vacina e pedirá uso emergencial nos EUA e Europa

Bem-estar

Remédio da Biogen contra Alzheimer pode chegar ao Brasil em 2022

Mundo

Rússia inicia vacinação com Sputnik V, que ainda está em testes