Ocupação cai para 65,98% e Estado reverte mais leitos de UTI - ES360

Ocupação cai para 65,98% e Estado reverte mais leitos de UTI

Nas últimas semanas, o índice se manteve pouco acima dos 70%. Os dados estão no Painel Covid-19 e são mais um sinal de redução da pandemia no estado

UTI no Hospital Dório Silva, na Serra. Foto: Divulgação/Sesa
UTI no Hospital Dório Silva, na Serra. Foto: Divulgação/Sesa

 

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) reverteu mais três leitos de UTI exclusivos destinados à pacientes com o novo coronavírus para outras doenças. Atualmente o estado conta com 629 UTI’s, são 86 leitos a menos para a covid-19 quando se tem como referência a ampliação total de vagas nos hospitais. Mesmo com a redução, a taxa de ocupação de UTI’s está em 65,98% nesta quarta-feira (2). Dos dos 629 leitos existentes, 415 estão ocupados. Nas últimas semanas, o índice se manteve pouco acima dos 70%. Os dados estão no Painel Covid-19 e são mais um sinal de redução da pandemia no estado.

Caso todos os leitos da ampliação ainda estivessem ainda disponíveis, a taxa de ocupação de UTIs seria de 59,75%, a menor desde 17 de abril, quando o estado tinha 159 leitos para a covid-19 e 95 pacientes internados. A Sesa informou que a reversão de leitos para outras doenças vai continuar enquanto a ocupação estiver em torno dos 70%.

A ocupação de leitos de enfermaria destinados a pacientes com a covid-19 no Espírito Santo também está em queda e atingiu 51,60%. Atualmente são 564 leitos hospitalares, com 291 pacientes internados. Com a ampliação durante o surto do novo coronavírus, o Estado chegou a contar com 817 leitos de enfermaria. Caso essas vagas ainda estivessem disponíveis, a ocupação estaria em 35,62%. Se considerados os dados desde o início da pandemia, o dia 16 de junho foi o pico de ocupação das UTIs, quando atingiu 74,27%.

Dos 428 leitos de UTIs disponíveis na região metropolitana, 289 estão em uso (69,98%). O norte do estado continua com o maior índice do interior: 69,23% – estão com pacientes 54 dos 78 leitos disponibilizados. Já a região sul tem a menor taxa: dos 86 disponíveis, 42 estão em uso (48,84%). A região central tem 57,69% de UTIs ocupadas.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Deputado pede investigação de Heleno por monitorar ambientalistas

Dia a dia

Covid-19: Espírito Santo volta a registrar mil casos em 24 horas

Dia a dia

Mortes violentas no Espírito Santo crescem em ritmo maior que no Brasil

País

Lewandowski nega recurso da Globo e manda ao TJ do Rio caso das “rachadinhas”