Novo lote de vacinas chega nesta semana ao ES; idosos são prioridade - ES360

Novo lote de vacinas chega nesta semana ao ES; idosos são prioridade

O Instituto Butantan possui 13,2 milhões de doses da Coronavac, produzida em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac, aguardando liberação do Ministério da Saúde para serem distribuídas para os estados

CORONAVAC INSTITUTO BUTANTAN
Coronavac. Foto: Divulgação/Instituto Butantã

O Espírito Santo deve receber um novo lote de doses da vacina contra a covid-19 CoronaVac ainda nesta semana e dará início à imunização dos idosos acima de 90 anos na primeira quinzena deste mês. A informação foi divulgada durante coletiva de imprensa pelo secretário de Estado da Saúde (Sesa), Nésio Fernandes, na tarde desta segunda-feira (1º).

> Profissional da saúde não vacinado no ES poderá ser impedido de trabalhar

O Instituto Butantan aguarda liberação do Ministério da Saúde para os lotes serem distribuídos aos estados. O secretário acredita que o critério de divisão para as federações seguirá o mesmo padrão dos lotes anteriores, mas ainda não há certeza sobre quantas vacinas serão entregues ao estado.

“Nesta segunda-feira será atualizado um novo escalonamento. Esta semana devemos receber novo lote de vacinas do Butantan entre terça e quarta-feira. Vamos iniciar vacinação das pessoas com mais de 90 anos com o lote que chegar”, disse Nésio Fernandes.

A vacinação aberta nas unidades de saúde para a população em geral deve acontecer somente no final de março ou início de abril, dependendo da quantidade de doses enviadas pelo Ministério da Saúde. Ao longo de fevereiro será priorizada a imunização dos idosos acima de 90 anos. Depois disso, serão imunizados os que têm mais de 80, 70 e 60 anos.

O subsecretário de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Reblin, lembrou que o Espírito Santo aguarda definição do ministério quanto ao envio das vacinas da Oxford/AstraZeneca, que tem previsto prazo de até 12 semanas de aplicação da segunda dose.


Comentários:

  • Estou aguardando a hora de ser vacina da tenho mais de 70 anos e sou diabética, moro em Guarapari, mas aqui
    Estamos sem saber de nada!

  • Moro em São Mateus, minha mãe mora comigo, tem 81 anos, estou com suspeita de covid, e minha mãe, que é cheia de comirbidades não consegue ser vacinada. Enquanto professores de educação física e de academias e “falsos funcionários de clínicas”já estão vacinados. Que protocolo é este?


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dinheiro

Espírito Santo terá loteria estadual até julho

Dia a dia

Mais de 117 mil pessoas receberam 1ª dose da vacina no ES

Dia a dia

Saiba como funciona bafômetro que identifica álcool no ar

Dia a dia

Com ações inclusivas, Maranata leva ensinamentos a pessoas com deficiência