Mourão recebe alta médica e retornará atividades na semana que vem - ES360

Mourão recebe alta médica e retornará atividades na semana que vem

Mourão estava em isolamento no Palácio do Jaburu desde o dia 27 de dezembro quando testou positivo para o vírus

Operação Verde Brasil 2 na Amazônia será prorrogada até abril, diz Mourão. Foto: Marcos Correa/PR
Hamilton Mourão. Foto: Marcos Correa/PR

Isolado desde o seu diagnosticado positivo para a covid-19, o vice-presidente da República, Hamilton Mourão, recebeu nesta sexta-feira (8), alta médica e retornará ao expediente normal a partir da semana que vem. A informação foi divulgada em nota pela assessoria da Vice-Presidência.

“O Vice-Presidente da República, Hamilton Mourão, diagnosticado com Covid-19, recebeu alta médica nesta data, retornando às atividades normais na próxima segunda-feira, 11”, informou a nota.

Mourão estava em isolamento no Palácio do Jaburu desde o dia 27 de dezembro quando testou positivo para o vírus.

Na terça-feira, 5, a assessoria já havia relatado que o vice-presidente estava bem, com “resultados normais” em seus exames e seguindo com um programa de exercícios respiratórios, orientados por uma fisioterapeuta.

O tratamento de Mourão incluiu ainda os medicamentos hidroxicloroquina, Annita, azitromicina e remédios para dor e febre, de acordo com informações da assessoria.

O diagnóstico positivo do vice-presidente para o vírus no fim do ano se somou à lista de demais autoridades do primeiro escalão do governo que também foram infectadas.

Além do presidente Jair Bolsonaro, que contraiu a doença em julho, 14 ministros também tiveram a covid-19.

Estadão Conteúdo


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
País

Governo do AM sugere abrir valas no interior por falta de oxigênio

Dia a dia

Covid-19: Espírito Santo registra 19 mortes e 1.208 casos em 24 horas

País

Secretário de SP diz que ainda aguarda posição sobre doses da Coronavac para SP

Mundo

Em razão da nova cepa, Itália suspende voos vindos do Brasil