"Moda não é se sentir descartável", diz estilista de exposição em Vitória - ES360

“Moda não é se sentir descartável”, diz estilista de exposição em Vitória

Sônia Pinto apresenta suas criações atemporais a partir desta segunda-feira na Léo Bahia Arte Contemporânea, no Centro de Vitória

Exposição da estilista Sônia Pinto em Vitória
Em exposição na Capital, estilista apresenta peças atemporais. Divulgação

Enquanto o mercado da moda vai e vem em tendências, estampas e acessórios que ditam as regras na rua, a estilista Sônia Pinto se concentra na arte de transformar um tecido em uma peça atemporal. Em dobras, recortes e estruturas que beiram às linhas da arquitetura moderna, ela traz em suas criações uma identidade forte, leve e livre. Algumas delas poderão de ser vistas de hoje até 29 de junho na Léo Bahia Arte Contemporânea, em Vitória. A mostra também celebra os 70 anos de vida da artista e os 45 anos de sua carreira, além de encerrar uma temporada de exibições de suas peças por Belo Horizonte, São Paulo e Rio de Janeiro.

Quem passar pela galeria poderá conferir a inspiração da coleção Outono/Inverno 2019, que traz a marca da artista: a influência asiática. Os tecidos ganham volumes, assimetrias e dobraduras inspirados na arte dos origamis. “Quero que os clientes se enrolem em meio às roupas que confecciono”, afirma. “Para isso, trabalho com muito volume, dobras, cortes e tecidos inusitados. Além disso, minha predileção é por cores básicas, como pelo preto, azul, vermelho e verde-floresta”, conta.

Conceito

Para a estilista de nomes como Vera Holtz, Fernanda Takai e Marina Abramovic (amiga de longa data de Sônia), “estar na moda” é ter coragem de assumir sua identidade e seu modo de vida. “Hoje todo mundo quer ser igual. O importante é estar de bem consigo mesmo, ter autocrítica, se organizar para estar melhor, andar feliz com o que carrega”, defende.

O descartável, tão comum na indústria fast fashion, também ganha o olhar comportamental da estilista, que reforça o seu papel como produtora de uma roupa sem prazo de validade e responsável com a utilização dos recursos disponíveis pela indústria. “Moda não é se sentir descartável como uma peça de roupa, sim a atitude de se colocar diante do outro e de si mesmo”, defende. E completa: “De descartável, o mercado já está cheio. Acredito que devo criar parcerias com pessoas sensíveis, preocupadas com os recursos que têm.”

“O mundo da moda é difícil, especialmente o conceitual. Fico muito feliz de ter conseguido chegar até essa idade, fazendo aquilo que acredito”, revela.

Visite:

Coleção Outono /Inverno 2019 – estilista Sônia Pinto
Onde: Léo Bahia Arte Contemporânea. Endereço: Rua Nestor Gomes, 160, Centro de Vitória.
Quando: de 24 e 29 de junho de 2019, das 12h às 20h.
Mais informações: (27) 3376-6343

Mais notícias
Dinheiro

Governo recua e não distribui 100% do lucro do FGTS

Dinheiro

Vila Velha abre inscrições para concurso nesta segunda

Dia a dia

Tartarugas são encontradas mortas na Praia de Camburi

Dia a dia

Ônibus panorâmico promove passeio Natal Iluminado