Microalgas deixam manchas em Camburi - ES360

Microalgas deixam manchas em Camburi

Segundo o oceanógrafo da Secretaria de Meio Ambiente de Vitória Paulo Rodrigues, o aparecimento da espuma se deve ao mar agitado

Grande parte dela da espuma é de composição de microalgas. Foto: Chico Guedes
Grande parte dela da espuma é de composição de microalgas. Foto: Chico Guedes

Quem passou nesta segunda-feira (9) pela orla de Camburi, em Vitória, se deparou com uma extensa faixa de espuma amarelada no mar, próximo ao píer de Iemanjá. O oceanógrafo da Semmam (Secretaria de Meio Ambiente de Vitória) Paulo Rodrigues informou que o aparecimento da espuma se deve ao mar agitado. Grande parte dela é de composição de microalgas. A balneabilidade aponta que os nove pontos da praia monitorados estão impróprios. A Semmam alega que o último resultado não tem nenhuma ligação com essa formação observada ontem, mas com as últimas chuvas.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
País

Com UTIs lotadas, SP fica perto do colapso

Dia a dia

Há um ano, covid-19 era identificada no Espírito Santo

Dia a dia

Governo do ES abre mais de 10 leitos de UTI em Vitória

Dia a dia

Mapa de Risco: Apenas Ibatiba está em risco alto no Espírito Santo