Maia diz que nunca vai falar bem de Weintraub, mesmo apanhando de "bolsominions" - ES360

Maia diz que nunca vai falar bem de Weintraub, mesmo apanhando de “bolsominions”

Maia participou nesta segunda-feira (10), de dois eventos no Rio de Janeiro, sua base eleitoral

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil
Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

 

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM/RJ), disse que nunca vai elogiar o ministro da Educação, Abraham Weintraub, mesmo que continue “apanhando” dos chamados “bolsominions” nas redes sociais. Segundo ele, não é possível ficar em silêncio “sobre essas pessoas”.

Maia participou nesta segunda-feira (10), de dois eventos no Rio de Janeiro, sua base eleitoral. Em um café da manhã, na Firjan (Federação das Indústrias do Rio de Janeiro), afirmou que tem “apanhado forte” dos “bolsominions” a cada vez que fala de Weintraub, já classificado por ele anteriormente como “um desastre” .

Mais tarde, em almoço na ACRJ (Associação Comercial do Rio de Janeiro), o político voltou a comentar sobre o ministro, que protagonizou várias polêmicas ao errar a grafia de palavras em português, fazer vídeos sobre “chuva” de fake news embaixo de um guarda-chuva ao som de “Singin’ in the rain” e , mais recentemente, a crise no Enem, com vários erros na correção das provas.

“Eu apanho forte dos bolsominions nas redes sociais. Quando eu ‘elogio’ o ministro da Educação, aí é que apanho mesmo, e falo mais”, disse Maia. “Faz parte da vida, apanho de quem eu sei que não vai pensar como eu penso …é claro que eu não vou elogiar nunca o ministro da Educação”, completou.

Maia voltou ao assunto após uma pergunta da plateia na ACRJ sobre a polêmica do desmembramento do Ministério da Justiça, negando que tenha defendido a recriação do Ministério de Segurança Pública.

Alegando uma falha de comunicação, ele afirmou que apenas expressou ao presidente Jair Bolsonaro que, como o tema da segurança pública é caro ao eleitorado do presidente, poderia requerer maior atenção.

Estadão Conteúdo


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Há um ano, covid-19 era identificada no Espírito Santo

Dia a dia

Governo do ES abre mais de 10 leitos de UTI em Vitória

Dia a dia

Mapa de Risco: Apenas Ibatiba está em risco alto no Espírito Santo

Dinheiro

Motoristas questionam cobrança de imposto do diesel em nota fiscal