Fifa e Conmebol decidem manter Eliminatórias Sul-Americanas em outubro - ES360

Fifa e Conmebol decidem manter Eliminatórias Sul-Americanas em outubro

A decisão foi tomada pelos dirigentes mesmo com as incertezas em relação às medidas sanitárias e as condições de logística das viagens dos jogadores

Fifa e Conmebol se reuniram nesta terça-feira (15) por videoconferência e decidiram manter em outubro o início das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022, no Catar. A decisão foi tomada pelos dirigentes mesmo com as incertezas em relação às medidas sanitárias e as condições de logística das viagens dos jogadores que atuam fora do continente

A Conmebol comunicou que as datas das primeiras rodadas – 8 e 13 de outubro – foram ratificadas no encontro, e afirmou que o presidente da Fifa, Gianni Infantino, “expressou o desejo de que todas as seleções cheguem às Eliminatórias em igualdade de condições”.

Pressionada pelas associações nacionais que são membros da Conmebol, a Fifa disse que fará cumprir os regulamentos que obrigam os clubes a liberar os jogadores para as partidas de suas respectivas seleções.

No entanto, a entidade máxima do futebol não informou como será a logística que vai assegurar os deslocamentos dos atletas da Europa e outros continentes para a América do Sul. O grande problema é a exigência do período de quarentena por parte dos países em que moram vários jogadores.

Em nota, a Conmebol informou que haverá outra reunião nesta quinta-feira para definir mais detalhes sobre o assunto.

A seleção brasileira faz sua estreia nas Eliminatórias contra a Bolívia, em jogo marcado para o dia 9 de outubro. A partida seria disputada na Arena Pernambuco, mas foi transferida para a Neo Química Arena, casa do Corinthians. Na sequência, no dia 13, o Brasil encara o Peru, fora de casa. Não haverá torcida nos estádios.

Estadão Conteúdo


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Política

Bolsonaro: na parte econômica, o Brasil foi o que melhor se saiu (na pandemia)

País

PGR já discute futuro da Lava Jato e fim de ‘marca’

Dia a dia

ONGs combatem a fome no ES com doações

Dia a dia

Edição extra do ‘Diário Oficial’ convoca peritos para trabalhar