Faesa e UVV voltam às aulas presenciais com poucos alunos - ES360

Faesa e UVV voltam às aulas presenciais com poucos alunos

Cerca de 20% do total de alunos das duas faculdades comparecem às aulas presenciais nesta segunda-feira (14)

Maioria das faculdades da Grande Vitória não vai obrigar aluno a frequentar aulas presenciais. Foto: Pixabay

Um contingente pequeno de alunos voltou às aulas presenciais no Espírito Santo nesta segunda-feira (14), após seis meses de paralisação das atividades por causa da covid-19. Com um sistema híbrido de ensino (de atividades tanto online quanto presenciais), a Faesa, em Vitória, e a Universidade de Vila Velha (UVV), no município canela-verde, receberam cerca de 20% do número total de estudantes dentro das instituições durante o dia.

Dos 13 mil alunos matriculados na UVV, apenas 2.600 marcaram presença nas salas de aula. De acordo com uma estimativa da própria universidade, o percentual de estudantes que demonstraram interesse em retornar às aulas presenciais variou de acordo com cada disciplina. Para disciplinas teóricas a demanda foi de 30%, em média. Já as disciplinas com práticas que exigem espaços disponíveis apenas na instituição – como laboratório e clínicas – foi de 80%.

“Caso a quantidade de interessados em assistir tais aulas presencialmente extrapolar o número máximo seguro de alunos em uma sala, uma escala será implementada para que os alunos excedentes em um dia possam assistir às aulas em um outro dia”, disse a instituição em nota.

> Faculdades permitem que aulas presenciais sejam facultativas no ES

Entre as medidas adotadas na UVV para evitar o contágio do coronavírus estão aferição de temperatura; disponibilização de álcool em gel, que serão distribuídos em locais de grande circulação, como nos corredores e entradas das salas de aula; instalação de tapete sanitizante; desinfecção constante de maçanetas, corrimões e mesas, além de um novo intervalo entre as aulas, evitando, assim, que uma grande quantidade de alunos fique no mesmo espaço.

Já no campi da Faesa na capital, 2 mil alunos manifestaram interesse nas atividades presenciais. Divididos em dias e horários alternados, 180 compareceram às aulas só durante o período da manhã. A prioridade é que apenas aulas práticas sejam realizadas dentro da instituição, mantendo parte das disciplinas teóricas no formato digital. Diversas medidas de segurança entraram em vigor nesta segunda-feira, como a higienização adequada do campus a cada turno, a restrição na quantidade de ocupantes nos elevadores e a ventilação nos ambientes.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Cult

Teatro Carlos Gomes tem visita técnica para elaborar projeto de restauro

Dia a dia

Só 12% dos cursos superiores do ES recebem nota máxima no Enade

País

Governo federal vai comprar 46 milhões de doses da vacina chinesa

Dia a dia

Instituto emite alerta de chuva intensa para o Espírito Santo