Estado anuncia 4º ano para o ensino médio e presença obrigatória já em fevereiro - ES360

Estado anuncia 4º ano para o ensino médio e presença obrigatória já em fevereiro

O governador Renato Casagrande anunciou a obrigatoriedade em transmissão online nesta quarta-feira (18), mas sistema de revezamento dos alunos vai continuar

Depois de anunciar a chamada pública escolar para o ano de 2021 na manhã desta quarta-feira (18), o governador do Espírito Santo Renato Casagrande e o secretário de Estado de Educação, Vitor de Angelo, confirmaram a presença obrigatória dos alunos da rede estadual nas escolas a partir de fevereiro em conjunto com a criação excepcional do 4º ano do ensino médio.

Em entrevista à BandNews FM Espírito Santo, o secretário Vitor de Angelo detalhou as medidas:

As unidades do Estado já haviam retomado as atividades presenciais do ensino médio no mês de outubro, porém em caráter facultativo e com um regime de revezamento semanal, com presença de 50% da turma. Segundo o governador, o sistema de rodízio continuará funcionando em conjunto com as atividades remotas e extracurriculares já oferecidas virtualmente, mas contará com a presença obrigatória dos alunos.

Durante a transmissão também foi apresentada a 4ª série do ensino médio, com caráter facultativo e excepcional para o ano de 2021. A modalidade é voltada para os alunos que sofreram com os impactos das mudanças da rotina escolar durante a pandemia do novo coronavírus. O secretário de Educação, Vitor de Angelo, afirmou ainda que o modelo de aprendizagem vai contemplar também alunos que desejam ingressar em um curso superior oferecendo disciplinas preparatórias para o ENEM.

EJA e SEJA+

Além das novidades, o governo do Estado anunciou a expansão de vagas na modalidade de Ensino de Jovens e Adultos (EJA). O modelo que tem como objetivo ofertar ensino fundamental e médio para maiores de 18 anos que não completaram ainda sua escolarização, terá um acréscimo de 1.795 vagas no interior do estado, voltadas ao ensino regular, e 1.674 vagas de ensino especializado, por meio do EJA Profissional, sendo 680 dessas destinadas à região metropolitana.

O secretário de Educação apresentou um programa para auxiliar os alunos da rede estadual que apresentam diferença de idade em relação à turma. Chamado de SEJA+, o modo vai ofertar 610 vagas para os estudantes que queiram diminuir o atraso escolar, funcionando em módulos do EJA no período da manhã. Na Grande Vitória, serão 80 vagas destinadas ao município de Cariacica e outras 320 para o município da Serra. No interior do estado, 140 vagas serão ofertadas em Guaçuí e 70 no município de Barra de São Francisco.

Confira a transmissão completa:


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
País

Bolsonaro ignora testes encalhados do governo e culpa estados e municípios

Dia a dia

Segurança Pública no Brasil terá US$ 1,2 bilhão do BID; Espírito Santo vai mapear presos

Mundo

Vacina de Oxford contra covid-19 tem eficácia média de 70% e pode alcançar até 90%

Dia a dia

Motoristas de coleta de lixo fazem greve em Vila Velha