Espírito Santo ganhará mais 40 escolas de tempo integral - ES360

Espírito Santo ganhará mais 40 escolas de tempo integral

Medida faz parte do eixo social do Estado Presente, que contempla outros 35 programas em diversas áreas

Escolas atenderão alunos dos ensinos fundamental e médio. Foto: Sedu/Divulgação

O Espírito Santo vai ganhar mais 40 escolas de tempo integral até 2022. Serão 11 novas unidades já no ano que vem, 14 em 2021 e outras 15, em 2022. Elas ficarão localizadas nos municípios que fazem parte do Estado Presente, mas a Sedu (Secretaria de Estado da Educação) não especificou quais serão as cidades contempladas. A medida faz parte do eixo social do programa, lançado ontem pelo governo do estado. Hoje, o estado já conta com 36 escolas de tempo integral.

As primeiras unidades serão implantadas na Grande Vitória e, depois, nos municípios do interior e devem contemplar estudantes dos anos finais do ensino fundamental e ensino médio.

Programa Estado Presente visa reduzir os índices de violência

O programa Estado Presente — que visa a reduzir os índices de violência no Espírito Santo — foi lançado novamente em fevereiro. O projeto também existiu no primeiro mandato do governador Renato Casagrande, de 2011 a 2014.

Serão desenvolvidos, no total, 36 programas nas áreas de saúde, educação, segurança, cultura, lazer e trabalho. Foram selecionados 140 bairros identificados como regiões de maior vulnerabilidade, a partir de indicadores de violência e também desenvolvimento humano, renda, evasão escolas e de saúde, entre outros.

As ações serão realizadas em Vitória, Vila Velha, Serra, Cariacica, Linhares, Aracruz, São Mateus, Guarapari, Cachoeiro de Itapemirim e Colatina. Esses municípios concentram 74% da violência letal no estado, informou Duboc. O investimento total será de R$ 341 milhões.

“Historicamente o eixo policial é quem consegue reduzir os índices de criminalidade, mas sem as ações de proteção social esses índices retroagiram. Por isso, o eixo social visa a dar sustentabilidade ao trabalho”, diz o secretário de Estado de Planejamento, Álvaro Duboc.

A retomada do Estado Presente teve início com o eixo de proteção policial. Segundo Duboc, a redução nesses oito meses foi de 19% da violência letal em relação ao mesmo período de 2018.

Sobre uma possível migração da criminalidade a partir das ações, o governador Casagrande disse que como o planejamento é feito diariamente, isso pode ser acompanhado com indicadores e as ações podem migrar para outras áreas. “Também queremos deixar a estrutura melhor nas regiões que vão receber os programas, com mais infraestrutura urbana, área de lazer, mais empreendedores e com violência menor”.

Confira alguns dos projetos:

Segurança

No Papo de Responsa, policiais civis conversam com adolescentes em escolas. Programa visa a atender 35 mil jovens. Polícia Comunitária (junção da Patrulha da Comunidade com Base Móvel) quer atender mais de 2 mil pessoas.

Educação

Até 2022 serão implantadas 40 escolas em tempo integral de ensino fundamental e médio, iniciando pela Grande Vitória. Em 2020, serão 11. Também tem foco na qualificação profissional, com 72 mil vagas no Qualificar ES e 2.800 vagas no EJA Profissional. Outras 41 escolas também vão ter agentes de integração escolas para garantir a permanência dos estudantes na sala de aula. Começa por 15 escolas.

Saúde

Serão construídos CAPS (Centro de Atendimento Psicossocial) em Linhares e Vila Velha no ano que vem, para minimizar problemas de dependência química. Até o ano que vem, 262 equipes de saúde da família vão atuar nos 140 bairros.

Direitos humanos

O programa Jovens Valores vai destinar 3.221 vagas de estágio para jovens do Estado Presente até 2022. Serão implementados ainda 14 Centros de Cidadania Jovem até 2021. Já o programa Inova Afro vai capacitar 600 afroempreendedores até 2022. Egressos do Iases também vão ter 3 espaços para serem acompanhados pelo período mínimo de seis meses após sua saída. Serão nos municípios de Vitória, Linhares e Cachoeiro de Itapemirim.

Cultura e esporte

Serão construídos nove campos de futebol society até 2022 nos municípios atendidos pelo Estado Presente. Sete praças saudáveis com equipamentos para atividade física serão construídas até 2022. Noventa iniciativas culturais até 2022 serão apoiadas nos bairros atendidos pelo programa. O próximo edital já sai no mês que vem. As escolas dos 140 bairros vão receber apresentações da Orquestra Sinfônica do Espírito Santo. Neste ano serão seis na Grande Vitória, com a primeira no dia 06 de outubro. Até 2022 serão 42 no total. Aliado a isso, a Fames (Faculdade de Música do Espírito Santo) vai realizar oficinas pedagógicas de músicas nas 42 escolas para ensinar sobre os instrumentos.

Trabalho e renda

O programa Capacitar para Empreender vai atender 12 mil pessoas até 2022. O objetivo é capacitar pessoas das comunidades para criarem novos negócios.

Itinerantes

Até 2022, os bairros vão receber ações sociais, como emissão de Carteira de Identidade e testes de DNA. A primeira acontece em Terra Vermelha, no próximo dia 21/09.

Mais notícias
Dia a dia

Covid: governo sugere a planos de saúde a compra de leitos particulares

Dia a dia

Justiça determina que Renova mantenha contrato com rede de pesquisa da Ufes

Dia a dia

Ifes: a chance de fazer o ensino médio de excelência em 2021

Dia a dia

Mapa de Risco continua com apenas uma cidade em risco moderado