Espírito Santo espera receber cerca de 70 mil doses de novo lote da Coronavac - ES360

Espírito Santo espera receber cerca de 70 mil doses de novo lote da Coronavac

A expectativa se dá após a aprovação do uso emergencial de mais 4,1 milhões de doses pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) na última sexta-feira (22)

Especialistas celebram decisão da Anvisa, mas cobram ministério sobre estratégias de vacinação. Foto: Governo do Estado de São Paulo
Coronavac. Foto: Governo do Estado de São Paulo

O Espírito Santo espera receber um novo lote com cerca de 60 a 70 mil doses da vacina CoronaVac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan. A expectativa se dá após a aprovação do uso emergencial de mais 4,1 milhões de doses pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) na última sexta-feira (22). A informação foi confirmada pelo secretário de Estado da Saúde, Nésio Fernandes, na tarde desta terça-feira (26).

Um primeiro lote com 6 milhões de doses da CoronaVac já tinha sido liberado no domingo (17) para aplicação emergencial. Desse total, foram enviadas 101.320 mil doses da vacina CoronaVac para o Espírito Santo no dia 18 deste mês. O governo do Estado espera que com esse novo lote possa iniciar a vacinação dos idosos acima de 75 anos e continuar imunizando os profissionais da saúde como prevê o plano nacional de vacinação contra a covid-19.

“Aguardamos a liberação do novo lote da Coronavac que foi aprovado pela Anvisa. Acreditamos que será dividida proporcionalmente como aconteceu com o primeiro lote. Esperamos receber um número em torno de 60 a 70 mil doses da vacina”, disse o Nésio.

O secretário comentou ainda que em conversa com o secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde, Arnaldo Correia, solicitou que as doses desse lote previsto da Coronavac já possa ser aplicada nos idosos acima de 75 anos. Nos próximos dias o tema vai voltar a ser abordado em reuniões com o Ministério da Saúde.

Segundo o Plano Nacional de Imunização do Ministério da Saúde, o primeiro grupo que irá receber a vacina é formado por profissionais de saúde, que estão na linha de frente do combate à covid-19; pessoas com 60 anos ou mais que vivem em abrigos ou casas de repouso e indígenas.

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), também expressou nesta segunda-feira (25) a vontade de usar a nova remessa de doses da Coronavac para vacinar idosos com mais de 85 anos. Até então, somente idosos que moram em asilos de longa permanência receberam o imunizante. “Nosso desejo e nossa prioridade é a hora que chegar essa nova leva de vacina a gente convencer o Ministério da Saúde a aplicar nas pessoas de mais idade, com mais de 85 anos de idade, pessoas que têm idade mais avançada”, declarou Casagrande.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Bem-estar

12 estados elevam restrições: DF, BA, PR, RS e SC fecham lojas

Dia a dia

Covid-19: taxa de isolamento social cai para 31% no ES

Dinheiro

Acumulada, Mega-Sena sorteia R$ 50 milhões neste sábado

País

Brasil tem recorde de mortes por covid pelo 3º dia seguido