ES terá aumento de casos da covid-19 nas próximas semanas, diz secretário - ES360

ES terá aumento de casos da covid-19 nas próximas semanas, diz secretário

Entre os motivos está a mudança dos critérios de testagem e investigação, além de uma maior interação social no último mês em todo o estado

Secretário Nésio Fernandes confirma estabilização da covid-19 na Grande Vitória. Foto: Divulgação/Sesa
Secretário Nésio Fernandes confirma aumento de casos da covid-19 pelo ES. Foto: Divulgação/Sesa

O secretário de Saúde do Espírito Santo, Nésio Fernandes, usou as redes sociais nesta segunda-feira (21) para indicar que o estado terá um aumento no número de casos da covid-19 nas próximas semanas. Dois dos principais motivos seriam a mudança dos critérios de testagem e investigação, além de uma maior interação social no último mês. Ele alertou, no entanto, que isso não significa uma segunda onda da doença.

Segundo Nésio, os indicativos de uma nova onda poderão ser observados nas internações hospitalares e no comportamento dos óbitos provocados pelo novo coronavírus.

Desde o início da pandemia temos dito que podemos viver momentos de abertura/restrição alternados. Agora viveremos semanas de ampla retomada das atividades sociais e econômicas. Respeitando os protocolos sanitários e fazendo muito diagnóstico/bloqueio, preservaremos vidas. Mas sem respeito aos protocolos, a exposição de suscetíveis poderá voltar a elevar casos/internações/óbitos. Caso esses três elementos voltarem a crescer de modo sustentável, estaremos vivendo uma “segunda onda” com possível repercussão sobre atividades econômicas e sociais”, escreveu.

No Twitter, o secretário também ressaltou que é preciso adotar medidas protetoras para reduzir os riscos de contágio, sobretudo durante o aumento da circulação de pessoas. “É preciso que todos estejamos vigilantes, temos uma longa jornada até o controle pandêmico”.

Mudança da testagem

Desde o último dia 14, o governo do Espírito Santo está realizando teste para covid-19 em todos os pacientes que se dirigirem aos serviços de saúde pública com sintomas respiratórios. Caso o teste seja positivo, as pessoas mais próximas do infectado também vão passar pelo teste, mesmo se for assintomático. O objetivo é isolar os possíveis contaminados para evitar que a doença se espalhe novamente no estado.

 

 


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Vacina: eficácia será conhecida em breve

Dia a dia

Defesa Civil está em alerta máximo para chuvas no ES

Tec

Mercado de startups caminha para o melhor ano da história

Dia a dia

Espírito Santo tem 7 mortes pelo coronavírus em 24 horas