ES participa de operação de combate ao desmatamento da Mata Atlântica - ES360

ES participa de operação de combate ao desmatamento da Mata Atlântica

Policiais e fiscais vinculados à proteção do meio ambiente farão vistorias e autuações até a próxima sexta-feira, dia 20, em 17 estados

Até a próxima sexta-feira (20), fiscais e policiais vinculados à proteção ambiental, sob coordenação dos Centros de Apoio de Proteção ao Meio Ambiente dos Ministérios Públicos Estaduais, farão vistorias, autuações e outras medidas em propriedades onde houver a confirmação de desmatamento de Mata Atlântica. A ação faz parte de Operação Mata Atlântica em Pé, que ocorre em 17 estados do país.

O Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), por meio do Centro de Apoio Operacional do Meio Ambiente (Caoa), participa dessa operação com o apoio do Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA), Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama), Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema) e Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf). A coordenação dos trabalhos, em âmbito nacional, é feita pelo Ministério Público do Paraná (MPPR).

O trabalho é feito com suporte de satélite e atlas desenvolvidos pela SOS Mata Atlântica e Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e utiliza, dentre as metodologias, imagens comparativas entre o estado atual dos imóveis e a situação em períodos anteriores.

Esta é a primeira vez que todos os estados brasileiros que abrigam o bioma Mata Atlântica participam da operação, a partir dos Ministérios Públicos estaduais: Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe.

O bioma ocupa uma área de 1.110.182 Km², equivalente a 13,04% do território nacional, e abriga formações florestais (floresta ombrófila densa; floresta ombrófila aberta; floresta estacional semidecidual; floresta estacional decidual e floresta ombrófila mista, também denominada de Mata de Araucárias), além de ecossistemas associados (restingas, manguezais, campos de altitude, brejos interioranos e encraves florestais).

Mais notícias
Dia a dia

Covid: Espanha avalia novo estado de emergência nacional

Política

Acompanhado de Ramos, Bolsonaro faz passeio de moto

Política

Guinada ao Centrão reduz protagonismo de militares no governo

Dinheiro

Presidente da Samsung, Lee Kun-hee, morre aos 78 anos