Eleitor com deficiência visual poderá ouvir nome do candidato na urna - ES360

Eleitor com deficiência visual poderá ouvir nome do candidato na urna

Até as últimas eleições, a urna emitia mensagens gravadas que indicavam ao eleitor com essa deficiência o número digitado, o cargo para o qual estava votando e as instruções sobre as teclas “Confirma”, “Corrige” e “Branco”

As urnas das eleições deste ano vão contar com recurso de voz para deficientes visuais. Pela primeira vez, esses eleitores poderão ouvir o nome do candidato após digitar o número correspondente na urna eletrônica.

Para utilizar a novidade, é preciso informar ao mesário sobre a deficiência visual. Assim o recurso será habilitado e os fones de ouvido, que garantem o sigilo do voto, serão entregues ao eleitor.

A tecnologia transforma o texto em som e simula a leitura do conteúdo de algum documento, permitindo a regulagem do volume do áudio para mais alto ou mais baixo.
Todo o processo de adaptação desse software para a urna levou em torno de quatro meses, tendo início ainda em 2019 e sendo finalizado no início deste ano.

Até as últimas eleições, a urna emitia mensagens gravadas que indicavam ao eleitor com essa deficiência o número digitado, o cargo para o qual estava votando e as instruções sobre as teclas “Confirma”, “Corrige” e “Branco”.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Deputado pede investigação de Heleno por monitorar ambientalistas

Dia a dia

Covid-19: Espírito Santo volta a registrar mil casos em 24 horas

Dia a dia

Mortes violentas no Espírito Santo crescem em ritmo maior que no Brasil

País

Lewandowski nega recurso da Globo e manda ao TJ do Rio caso das “rachadinhas”