Eleições no ES: cresce número de candidatos militares, policiais e professores - ES360

Eleições no ES: cresce número de candidatos militares, policiais e professores

Número de profissionais da área de segurança como candidatos subiu 48% e aumento entre professores foi de 30% na Grande Vitória

Urna eletrônica. Foto: Carlos Moura/Ascom/TSE

O número de candidatos ligados à área da segurança pública para as eleições municipais de 2020 na Grande Vitória subiu 48% em relação ao pleito de 2016: são 58 candidatos nos quatro maiores municípios da região. Na última eleição municipal 39 candidatos tinham declarado a ocupação como policial militar, policial civil, bombeiro militar, militar reformado ou membro das Forças Armadas.

Entre os candidatos ao cargo mais alto nesse pleito, o de prefeito, a capital é a que tem o maior número de nomes ligado à segurança. São três concorrentes em Vitória e Cariacica. Vila Velha e Serra também têm um candidato cada.  No geral,  18 nomes da área de segurança disputam vaga em Vitória, 19 em Vila Velha, 11 na Serra e 20 em Cariacica.

Grande Vitória tem aumento de mais de 50% no número de candidatos

O mesmo crescimento ocorreu com candidatos que levam o nome “professor” para as urnas. Na Grande Vitória, o número de professores candidatos a cargos de prefeito, vice-prefeito ou vereador cresceu 30%. Em 2016 eram 78 candidatos entre professores do ensino fundamental, médio, superior e técnico, enquanto em 2020 o total saltou para 102, considerando Vitória, Vila Velha, Serra e Cariacica.

Serra concentra a maioria dos concorrentes ao pleito: são 29 que se denominam professor. Em Vila Velha, são 27 candidatos educadores, em Vitória, 24, e em Cariacica há 22 professores concorrendo.

Mesmo com o crescimento de candidatos dessas duas áreas importantes na administração pública, no topo da lista com mais candidatos estão profissões como empresários, comerciantes, servidores públicos e advogados.

O consultor em Marketing Político Darlan Campos explica que algumas profissões sempre têm sempre participação importante dentro das eleições municipais, principalmente profissionais de áreas como educação e saúde.  “Na área de segurança o aumento de dá pelo momento  que vivemos e principalmente a partir de 2018, com a eleição do presidente Jair Bolsonaro. Isso incentivou mais militares para adentrarem na esfera pública para disputar as eleições”, explica.

Ele ressalta ainda que nesta eleições houve um aumento no número de candidatos do campo majoritário, pois muitos partidos quiseram lançar candidaturas a prefeito mesmo sem recurso, com o objetivo de ajudar a chapa e trazer votos e dar mais visibilidade para a legenda.

 

 


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Chuva danifica pontes e isola comunidades no sul do estado

Cult

Ator escocês Sean Connery morre aos 90 anos

Dia a dia

Espírito Santo reduziu em 45% os leitos de UTI para covid-19

Dinheiro

Dívida vai a 100% do PIB, admite Tesouro