Dez profissionais da Saúde recusaram a vacina em Vila Velha - ES360

Dez profissionais da Saúde recusaram a vacina em Vila Velha

Além dos 10 profissionais, seis idosos que residem em instituições de longa permanência foram instruídos por suas famílias a não tomarem o imunizante

Dezesseis pessoas se recusaram a ser vacinadas contra a covid-19 em Vila Velha. Até as 15h desta sexta-feira (22), 10 profissionais de saúde que atuam em Instituições de Longa Permanência (asilos) e seis idosos residentes nessas instituições haviam negado o imunizante.

De acordo com levantamento feito pela prefeitura, no caso de dois desses idosos, a determinação partiu dos próprios familiares, que impediram a vacinação.

Em Cariacica, Serra e Viana não houve nenhum registro de recusa. A prefeitura de Vitória não comentou o caso.

Em entrevista à rádio BandNews FM, o subsecretário de Estado de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Reblin, disse não ter conhecimento sobre recusas no Espírito Santo. “Se ocorreram, é um número muito pequeno”.

Em nota, o Sitaen-ES (Sindicato dos Técnicos e Auxiliares de Enfermagem do Espírito Santo) diz ver com estranheza a informação de que técnicos estariam se negando a receber a vacina contra a covid-19. “Não recebemos nenhum contato de técnicos e auxiliares de enfermagem referente a isso e sim o contrário. Estamos recebendo ligações de profissionais que querem se imunizar e ainda não foram chamados para tomar a vacina, pois estão na linha de frente do combate ao vírus. A orientação do Sindicato é para que os trabalhadores tomem a vacina”.

O CRM-ES (Conselho Regional de Medicina do Estado) e o Sindienfermeiros (Sindicato dos Enfermeiros do Espírito Santo) foram procurados, mas ainda não se manifestaram.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Motoristas de app protestam em Vitória por reajuste

Dinheiro

Guedes vê perda estrutural em PEC emergencial aprovada no Senado

País

Fiocruz mostra evolução da ocupação de leitos de UTI

Política

Aras apura se Pazuello cometeu fraude em plano de vacinação