Dengue: Verão será muito ‘duro’, diz ministro da Saúde - ES360

Dengue: Verão será muito ‘duro’, diz ministro da Saúde

Segundo a Sesa, o Espírito Santo já registrou mais de 71 mil notificações neste ano, 476% a mais que no mesmo período de 2018

Mosquito da Dengue
O Espírito Santo é o 4º Estado do país com maior número de casos da doença. São mais de 71 mil notificações, segunda a Sesa. Foto: Divulgação/Sesa

O avanço da dengue no país não deve dar trégua no verão. O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou, ontem, que o verão será muito “duro” em relação à dengue e que o Espírito Santo não está fora desse contexto.

“Vamos passar um verão com o sorotipo 2 e vamos passar isso com muita dificuldade. Tenho certeza que no Espírito Santo não vai ser diferente”, diz Mandetta.

O estado é o 4º do país com maior número de casos. São mais de 71 mil notificações, segundo a Sesa (Secretaria de Estado da Saúde), 476% a mais que no mesmo período de 2018. O principal motivo do aumento é a presença do sorotipo 2 da doença, que voltou a circular no país.

Estado tem 6 mil processos de saúde à espera de decisão

Desde abril, o fornecimento do inseticida Malathion, usado no combate ao mosquito, foi interrompido por problemas com a empresa fornecedora do produto. “Estamos em um enfrentamento muito grande com a empresa”, afirmou o ministro.

Mandetta também disse estar esperançoso com o desenvolvimento da vacina contra a dengue pelo Instituto Butantan, que está em fase final de estudos.

Mais notícias
Dia a dia

ES vai comprar 250 mil testes de antígeno para covid

Dia a dia

Covid-19: ES tem 26 mortes e 1.183 casos em 24 horas

País

Com UTIs lotadas, estados ampliam restrições

Dia a dia

Com ações inclusivas, Maranata leva ensinamentos a pessoas com deficiência