Defesa Civil de Cachoeiro emite alerta de elevação de rio - ES360

Defesa Civil de Cachoeiro emite alerta de elevação de rio

Até às 6 horas desta segunda-feira (2), o acumulado de chuva no município foi de 74.42 mm nas 24 horas anteriores

02-03-2020 - Rio Itapemirim volta a subir após chuva forte em Cachoeiro de Itapemirim. Foto: Internauta
Rio Itapemirim volta a subir após chuva forte em Cachoeiro de Itapemirim. Foto: Internauta

 

A Defesa Civil de Cachoeiro de Itapemirim emitiu um alerta de elevação do nível do rio Itapemirim, que atingiu 3,40 metros acima da calha, na manhã desta segunda-feira (2), por volta das 10h40. Em relatório emitido às 6 horas desta segunda-feira, a Defesa Civil estadual informou que o acumulado de chuva em Cachoeiro de Itapemirim foi de 74.42 mm nas 24 horas anteriores.

> Vila Velha tem o maior acumulado de chuvas na Grande Vitória

O órgão municipal monitora a situação e pede que as comunidades ribeirinhas estejam atentas ao comportamento do rio e, em caso de risco de alagamento, procurem um local seguro.

Após reunião com o Comitê de Crises, em vídeo, o prefeito Victor da Silva Coelho informou que em Alegre e Castelo o nível do rio já começou a baixar. Mas afirmou que o município segue em alerta, devido à previsão de chuva para a semana.

São Vicente

No distrito de São Vicente, a preocupação é com o rio Castelo, que está com o nível bem acima do normal, quase alcançando a pista da ponte da Usina São Miguel, que foi interditada há mais de um mês, em função de suas condições estruturais. A recomendação à população local é que respeite o bloqueio e não se arrisque cruzando a ponte a pé.

Estragos causados pelas chuvas

As chuvas intensas desde domingo (1º) provocaram queda de barreiras e vários pontos de alagamento em vias do município. No Centro, a Ponte de Ferro, que precisou ser fechada ao tráfego por conta de um deslizamento de terra, já foi liberada, por volta das 9h50. Uma equipe da Prefeitura fez a remoção dos detritos para liberação da passagem.

> Chuvas deixam oito desalojados em Fundão e Apiacá

Também foram registradas quedas de barreiras nas ruas Jerônimo Ribeiro, no bairro Amarelo, e José Bonifácio, no Baiminas, na estrada da localidade de Cobiça e no bairro Campo Leopoldina.

Em função da situação do trânsito e do alagamento de áreas de estacionamento na cidade, a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano suspendeu temporariamente o sistema de estacionamento rotativo.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Apenas 3 municípios do ES aderiram à compra direta de vacinas

País

Transmissão da covid pode fazer do Brasil ‘celeiro’ de cepas

País

Butantan recebe insumos para 14 milhões de doses da Coronavac

Dia a dia

Maranata leva ensinamentos a pessoas com deficiência