Covid: Saúde do ES mantém posição e espera vacina de Oxford - ES360

Covid: Saúde do ES mantém posição e espera vacina de Oxford

Mesmo diante da opção de São Paulo para vacinar a população, a Secretaria de Saúde do Espírito Santo diz por enquanto vai aguardar a vacina a ser disponibilizada pelo Ministério da Saúde, a de Oxford

Ao anunciar o início da vacinação contra a covid-19 no dia 25 de janeiro, o governo de São Paulo informou que 4 milhões de vacinas serão disponibilizadas para profissionais de saúde de outros estados. Mesmo diante dessa opção, a Secretaria de Saúde do Espírito Santo diz que, por enquanto, vai aguardar a vacina a ser disponibilizada pelo Ministério da Saúde, a de Oxford.

Segundo o subsecretário de Vigilância em Saúde, Luiz Carlos Reblin, outra medida só será tomada caso não haja avanço no plano de imunização do governo federal. Dessa forma, o governo partiria para ação com outros estados para garantir a vacina, por meio do Conass, conselho dos secretários de saúde. “Os insumos já estão providenciados, temos contrato e passamos a receber o material em pouco dias”, disse.

O governador Renato Casagrande também falou sobre o assunto na Assembleia Legislativa na tarde desta segunda-feira (07), reforçando que depende do governo federal. “Temos as seringas e toda a equipe mobilizada, mas não temos a vacina. O nosso plano está pronto, mas dependemos do governo federal. Espero que a reunião amanhã (terça) com o ministro da Saúde seja boa para podermos atender rapidamente as pessoas prioritárias para serem vacinadas”, afirmou.

Já o subsecretário de Saúde pediu cautela a partir das notícias sobre vacinação contra a covid. “É importante nesse momento de anúncio das vacinas que as pessoas reforcem o uso da máscara. É uma oportunidade de a gente se proteger e manter o cuidado nesses poucos meses até termos a vacina para evitar o contágio”, pediu.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Espírito Santo pode registrar mais de 450 mortes por covid-19 em janeiro

Dia a dia

Prefeituras da Grande Vitória decidem não voltar com aulas presenciais em fevereiro

Dinheiro

Bolsonaro desafia Doria a zerar imposto sobre combustível

País

Bolsonaro chama Doria de ‘moleque’ e diz que ele e Maia querem sua cadeira para ‘roubar’