Covid: Espírito Santo tem quase o mesmo número de mortes da China - ES360

Covid: Espírito Santo tem quase o mesmo número de mortes da China

O Espírito Santo já acumula 208 mil casos da doença e mais de 4.500 mortos. Na China foram registrados 94 mil casos, 4.748 mortos e curva se mantém sem crescimento

Nove meses depois do início da pandemia da covid-19, o Espírito Santo acumula 208 mil casos da doença e mais de 4.500 mortos. Os números registrados no estado de 4 milhões de habitantes já são maiores do que os da China, epicentro inicial da doença, surgida na província de Wuhan. Lá, foram registrados oficialmente 94 mil casos, 4.748 mortos e a curva se mantém sem novo crescimento desde abril (confira na imagem). O total de casos do Espírito Santo, com a população de 3,8 milhões de pessoas, equivale aos registrados no Equador, país com 17 milhões de habitantes e 200 mil confirmações da doença. Todos os dados são da Universidade Johns Hopkins.

Curva de casos da Chiva

Vila Velha é a cidade do Espírito Santo com o maior número moradores infectados, 29 mil entre 486 mil habitantes. Os números correspondem a todos os casos registrados na Austrália: 28 mil infectados em uma população de 25 milhões de pessoas. Já Vitória, com 25 mil casos, está com o número na mesma casa dos registrados em Camarões. Enquanto a capital capixaba conta com 360 mil habitantes, o país africano tem 25 milhões de moradores.

Já o Brasil é terceiro país em número de casos e segundo em óbitos provocados pela doença. Com 6,7 milhões de casos, está atrás dos Estados Unidos, que tem 15 milhões, e Índia, com 9 milhões de pessoas que contraíram o novo coronavírus. Em relação às mortes, o Brasil acumula 180 mil, enquanto os Estados Unidos está na liderança com 292.611 mortes.

Ao contrário da China, que conseguiu conter um novo avanço da pandemia, vários países apresentam uma retomada com crescimento no volume de casos nos últimos meses. É o caso de todos os seis países com o maior número de casos, com exceção da Índia, que teve o pico em setembro e agora está com queda nos números. Nessa lista estão Estados Unidos, Brasil, Rússia, França e Itália.

Curva de casos dos Estados Unidos, com 15 milhões de pacientes.
Curva de casos na Índia, que tem 9,7 milhões de contaminações
Curva de Casos no Brasil, com 6,7 milhões de casos
Curva de casos na Rússia, país com 2,5 milhões de casos
Curva de casos na França, que tem 2,4 milhões de casos
Curva de casos na Itália, com 1,8 milhão de infectados

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Em recado a Doria, Pazuello diz que não começa a vacinar com ‘jogada de marketing’

Dia a dia

Enfermeira Mônica Calazans de São Paulo é a 1ª vacinada contra covid-19 no Brasil

Dia a dia

‘A vacina é uma lição para vocês, autoritários que desprezam a vida’, diz Doria após aprovação

País

Estigma das doenças mentais no Brasil é tema da redação do Enem