Comércio em Guarapari tem horário reduzido a partir desta segunda - ES360

Comércio em Guarapari tem horário reduzido a partir desta segunda

Além do balneário, outras sete cidades capixabas entram para o risco alto de transmissão do coronavírus, segundo o 37º Mapa de Risco Covid-19

Praia de Meaípe, em Guarapari. Foto: Jefferson Pancieri/Setur
Praia de Meaípe, em Guarapari. Foto: Jefferson Pancieri/Setur

O município de Guarapari, principal destino turístico do Espírito Santo no Réveillon e em todo o verão, entra na classificação de risco alto para a transmissão do coronavírus a partir desta segunda-feira (28), de acordo com o 37º Mapa de Risco Covid-19 divulgado pelo Governo do Estado na última sexta (25). Com isso, o comércio passa a funcionar em horário reduzido e bares e restaurantes estão proibidos de abrirem para atendimento presencial.

A prefeitura vai limitar a entrada de ônibus e vans no município e, também, a quantidade de pessoas em imóveis que são alugados para a temporada. A queima de fogos foi cancelada e a colocação de tendas nas praias para o ano novo está proibida.

Um decreto publicado pela prefeitura de Guarapari estabelece as regras para turistas que vão alugar um imóvel no município. De acordo com as regras, estão permitidos aluguéis de imóveis de temporada, porém a ocupação deve ser de 50% da capacidade e o imóvel deve estar cadastrado no site da prefeitura e protocolado na Secretaria Municipal de Turismo, Empreendedorismo e Cultura. Em caso de descumprimento das normas impostas, a multa será de R$ 2.410,00 para o proprietário do imóvel, e R$ 2.410,00 para o condomínio, no caso de apartamentos.

Boates, casas de shows e estabelecimentos similares, que atraem muitos turistas para a região de Guarapari, estão proibidos de abrirem as portas, de acordo com o decreto municipal. Quem descumprir também está sujeito a multa, que pode chegar a R$ 5,2 mil.

Além de Guarapari, os municípios de São Mateus, Linhares, Mantenópolis, Governador Lindenberg, Água Doce do Norte, Alfredo Chaves e Irupi também estão classificados como de risco alto para a transmissão do coronavírus.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Técnica de Enfermagem recebe a 1ª vacina no Espírito Santo

Dia a dia

Óbitos em cartórios apontam 2020 como o ano mais mortal da história do ES

Dia a dia

Covid-19: Espírito Santo registra 30 mortes e 1.853 casos em 24 horas

Dia a dia

Primeiras doses da vacina contra a covid-19 chegam ao Espírito Santo