Começa na quarta segunda fase do inquérito sorológico no ES - ES360

Começa na quarta segunda fase do inquérito sorológico no ES

Profissionais de saúde vão visitar residências em 19 municípios para identificar se os moradores já tiveram contato com o coronavírus. Serão testadas cerca de oito mil amostras

Secretário de Saúde, Nesio Fernandes e subsecretário Luiz Carlos Reblin. Foto: Divulgação/Sesa

Começa na próxima quarta-feira (27) a segunda fase do inquérito sorológico de covid-19 no estado. Profissionais de saúde vão visitar residências em 19 municípios para identificar se os moradores já tiveram ou estão em contato com o coronavírus. Serão colhidas cerca de oito mil amostras nessa etapa, totalizando, aproximadamente, 32 mil testes realizados na população capixaba. A primeira etapa estimou que o estado tinha 84 mil pessoas com a doença e que 20% da população era assintomática.

Segundo o subsecretário de Vigilância em Saúde Luiz Carlos Reblin a escolha das residências a serem visitadas é feita por sorteio, a partir do censo do IBGE. Para saber se o morador já teve contato o vírus com são colhidas duas gotas de sangue. O resultado sai em 15 minutos.

“Isso nos ajuda a construir uma fotografia do Espírito Santo para identificar com mais clareza e caminhada da epidemia. E nos mostra onde há necessidade de monitoramento mais criterioso Faço um apelo a toda a população para receber bem a nossa equipe”, solicitou.

Desta vez, serão visitadas residências nos municípios de Afonso Cláudio, Alegre, Cachoeiro de Itapemirim, Cariacica, Colatina, Linhares, Nova Venécia, São Mateus, Serra, Vila Velha, Vitória, Baixo Guandu, Conceição da Barra, Ecoporanga, Iúna, Marataízes, Santa Maria de Jetibá, Sooretama e Viana.

Os profissionais estarão identificados com credenciais e paramentados com equipamentos de proteção individual, visando garantir a segurança tanto para o entrevistado quanto para os técnicos, cumprindo assim os protocolos de biossegurança. Os EPIs serão trocados a cada residência visitada.

O formulário será preenchido eletronicamente por celulares cedidos pelo IBGE. Cada equipe terá um aparelho com aplicativo destinado exclusivamente para o Inquérito Sorológico.

No caso do paciente sorteado ser positivo, os demais moradores do imóvel serão testados. Além disso, se a equipe encontrar residentes com sintomas respiratórios, independentemente do resultado do teste, essa pessoa será orientada ou, se necessário, encaminhada para o atendimento em unidade referenciada para a doença.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Espírito Santo tem seis mortes pelo coronavírus e 1.094 casos em 24 horas

Dia a dia

Eventos infantis serão liberados a partir de 3 de novembro

País

Bolsonaro diz que Forças Armadas estão prontas para “garantir liberdade”

Dia a dia

Anvisa libera importação de 6 milhões de doses da Coronavac