Cinemas no ES só podem abrir com 40% da capacidade; entenda regras - ES360

Cinemas no ES só podem abrir com 40% da capacidade; entenda regras

Não é recomendado que crianças com menos de 5 anos e idosos frequentem o cinema

Festival de Cinema de Vitória | Foto: Sérgio Cardoso

 

Os cinemas estão autorizados a funcionarem com 40% da capacidade nas cidades classificadas como risco baixo para a transmissão do coronavírus no Espírito Santo. Além disso, os assentos devem ser ocupados com uma distancia mínima de 1,5 metros, tanto lateral quanto nas fileiras frontais.

A secretária estadual de Gestão e Recursos Humanos, Lenise Loureiro, afirma que o protocolo tem medidas para evitar filas e aglomerações de pessoas antes da entrada da sala de projeção, ou seja, na bilheteria e nas compras de alimentos. “Deve ter marcações das distâncias no chão e a intensificação das vendas on-line. As portas devem ficar abertas nas sessões tanto na entrada, quanto na saída”, afirma.

Além disso, o uso de máscara é obrigatório e a recomendação é para que as pessoas higienizem as mãos com álcool em gel. Quem estiver com sintomas gripais não pode frequentar. A secretária destaca que não é recomendado que crianças com menos de 5 anos, adultos maiores de 60 anos e pessoas com comorbidades visitem esse locais.

Em relação aos eventos sociais, que são permitidos no estado com uma limitação de 100 pessoas adultas, Lenise afirma que está em diálogo a possibilidade de permitir que mais pessoas possam participar desses eventos. “Nós teremos que monitorar todos os números junto com os municípios, juntamente com a ocupação dos leitos de UTI e números de óbitos. A intenção é que façamos uma previsibilidade de quando esses eventos poderão retomar com um número maior de pessoas.”

A liberação desses eventos é permitida para as cidades classificadas como risco baixo para o contágio do coronavírus. Caso algum município saia do risco baixo para o moderado, as restrições voltam a ser aplicadas na cidade.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Covid: governo sugere a planos de saúde a compra de leitos particulares

Dia a dia

Justiça determina que Renova mantenha contrato com rede de pesquisa da Ufes

Dia a dia

Ifes: a chance de fazer o ensino médio de excelência em 2021

Dia a dia

Mapa de Risco continua com apenas uma cidade em risco moderado