Chile autoriza uso de vacina da Pfzier e BioNTech contra o coronavírus - ES360

Chile autoriza uso de vacina da Pfzier e BioNTech contra o coronavírus

O Chile firmou convênios com diversos laboratórios para garantir 32,4 milhões de doses para inocular 16,2 milhões dos 19 milhões de habitantes do país

Associação de artigos médicos alerta para risco de faltar seringa para vacina da covid. Foto: Karolina Grabowska/Pexels
Vacina da covid. Foto: Karolina Grabowska/Pexels

O Instituto Chileno de Saúde Pública autorizou o uso da vacina da Pfizer e da BioNTech contra a covid-19 nesta quarta-feira (16), em um momento em que novas infecções no país sul-americano mostram um aumento leve, mas sustentado. A imunização será voluntária e gratuita.

A autorização veio após uma longa reunião de um painel de especialistas do Instituto de Saúde Pública (ISP) que votou por unanimidade a favor do “uso excepcional no Chile” da vacina Pfizer.

O Chile firmou convênios com diversos laboratórios para garantir 32,4 milhões de doses para inocular 16,2 milhões dos 19 milhões de habitantes do país.

Estadão Conteúdo


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Espírito Santo pode registrar mais de 450 mortes por covid-19 em janeiro

Dia a dia

Prefeituras da Grande Vitória decidem não voltar com aulas presenciais em fevereiro

Dinheiro

Bolsonaro desafia Doria a zerar imposto sobre combustível

País

Bolsonaro chama Doria de ‘moleque’ e diz que ele e Maia querem sua cadeira para ‘roubar’