Celular de Paulo Guedes foi hackeado, diz assessoria - ES360

Celular de Paulo Guedes foi hackeado, diz assessoria

O Ministério da Economia vai oficiar o ministro da Justiça, Sergio Moro, solicitando que a Polícia Federal investigue o caso

A assessoria do Ministério da Economia afirmou na noite desta segunda-feira, 22, que o celular do ministro Paulo Guedes foi hackeado. Em mensagem distribuída a jornalistas em um grupo oficial da pasta, a assessoria pediu que mensagens vindas do número de Guedes e de outras pessoas do gabinete sejam desconsideradas.

O ministério enviará um ofício ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, solicitando que a Polícia Federal investigue a possível invasão do telefone de Guedes.

Vários jornalistas receberam mensagens e ligações em nome do ministro por meio do aplicativo Telegram na noite desta segunda-feira. “O Ministério da Economia ressalta que o ministro nunca teve conta nesse serviço e pede para que desconsiderem qualquer mensagem recebida do número antigo do ministro, que já será desativado”, acrescentou a pasta.

Estadão Conteúdo


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Covid: 27 mortes e 1.210 casos registrados no ES em 24 horas

Dia a dia

Agendamento online em Vila Velha é alvo de reclamação

Dia a dia

Casagrande rebate Bolsonaro e diz que repasse é de 2,2 bi

Dia a dia

ES receberá 15 pacientes transferidos de Santa Catarina