Catedral de Vitória completa 100 anos com programação especial - ES360

Catedral de Vitória completa 100 anos com programação especial

A programação contará com lives musicais, missas e uma procissão com Nossa Senhora da Vitória pelas ruas da capital. Confira a programação

Programação em homenagem à Catedral de Vitória será toda on-line. Foto: Divulgação

Cartão-postal da fé capixaba e o segundo monumento religioso mais visitado do Espírito Santo, a Catedral Metropolitana de Vitória preparou uma programação especial para celebrar os seus 100 anos de construção. Ela teve início na terça-feira, dia 1º, e vai até o dia 8 de setembro. Serão realizadas missas, apresentações musicais e devoções no formato virtual, com o intuito de evitar a disseminação do novo coronavírus.

Com o tema “Senhora da Vitória, tua força queremos pedir”, o evento também marca as comemorações do 469º aniversário da capital e o Dia de Nossa Senhora da Vitória, sua santa padroeira.

Para o padre Renato Criste, paróco da catedral, esta festa ocorre num momento especial na vida da Igreja e de cada fiel que passa pela paróquia, sobretudo durante o período da pandemia. “Nesse ano de 2020 temos duas grandes motivações: a festa da padroeira, mas também o centenário de início das obras de construção do espaço. Maria nos apresenta as alegrias, o próprio Jesus; para nos motivar ainda mais a vivermos essa festa, com uma configuração diferente, mas com a mesma fé”, destaca.

Um dos pontos altos da programação será a presença de seis padres da Arquidiocese de Vitória (Anderson Gomes, Renato Criste, Hadeleon Santana, Fernando Souza, Jacqueson Pimentel e Diego Azevedo), que farão um show chamado “Além do Altar”. O repertório contará com as tradicionais canções católicas, além de outros músicas populares entre os religiosos.

Padre Renato Criste ressalta que a live “Além do altar”, trará novas formas de instigar os fiéis quanto à importância da catedral. “Como sugere o próprio nome da live, os padres cantarão em uma homenagem aos capixabas e à catedral, importante monumento seja pelo aspecto religioso,  seja pelo aspecto arquitetônico e cultural”, afirma.

No último dia da festa, haverá uma missa com o arcebispo dom Dário Campos, um momento de oração com seminaristas e uma procissão com a imagem de Nossa Senhora da Vitória pelas ruas do Centro da capital. O cortejo passará por Parque Moscoso, Praça Costa Pereira, Gruta da Onça, entre outros locais.

História da catedral

A Catedral Metropolitana de Vitória começou a ser construída em 1920 e foi concluída em 1970. O projeto inicial era de Paulo Motta, mesmo artista que projetou o Parque Moscoso, e foi se modificando com o passar dos anos, tendo recebido colaboração de vários artistas e arquitetos.

Ela ocupou o lugar onde, até 1918, havia uma igreja chamada Igreja de Nossa Senhora da Vitória, que era a matriz da cidade. Era uma igreja de estilo colonial, que começou a ser edificada em 1551, quando Vitória ainda se chamava Vila Nova, no período do primeiro donatário da capitania do Espírito Santo, Vasco Fernandes Coutinho.

Com a criação da Diocese do Espírito Santo (1895) e a nomeação do primeiro bispo, dom João Batista Correia Nery, a igreja recebeu o título de catedral. Posteriormente, deteriorada e considerada pequena demais para comportar o crescente número de fiéis, foi demolida com o intuito de ser substituída por uma igreja maior, de acordo com o desejo de modernizar a capital do estado.

Símbolo da capital, a catedral foi tombada pelo Conselho Estadual de Cultura em maio de 1984.

Confira a programação completa:

Terça-feira (01):

12h – Missa

17h30 – Momento devocional

18h – Missa com o padre Zaelton Costa

Quarta-feira (02):

12h – Missa

17h30 – Momento devocional

18h – Missa com o padre Diego Azevedo

Quinta-feira (03):

12h – Missa

17h30 – Momento devocional

18h – Missa com o padre Jacqueson Pimentel

Sexta-feira (04):

12h – Missa

17h30 – Momento devocional

18h – Missa com o padre Marcelo Margon

Sábado (05):

17h30 – Momento devocional

18h – Missa com o padre Hadeleon

20h – Live Show (A confirmar o artista)

Domingo (06):

8h – Missa

16h – 2º Encontro Arquidiocesano do Terço dos Homens

17h30 – Momento devocional

18h – Missa com padre Altamiro

Segunda-feira (07):

17h30 – Momento devocional

18h – Missa pela pátria com o Pe. Anderson Gomes

20h – Live “Para Além do Altar” –  Padres Cantam “100 anos de Obras de Arte e Fé”

Terça-feira (08):

09h – Missa Arquidiocesana com dom Dario Campos e padres da arquidiocese

11h – Ofício de Nossa Senhora com o Seminário Nossa Senhora da Penha

17h – Missa solene paroquial com o Padre Renato Criste

18h – Procissão com imagem em carro aberto com a imagem de Nossa Senhora da Vitória pelas ruas do Centro de Vitória

 


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Dia a dia

Promessa de verba faz Ibama retomar ações anti-incêndio

Dia a dia

Centrão chega ao Senado e faz articulação pró-governo

Dia a dia

Coleta seletiva na Grande Vitória tem média bem abaixo da registrada no país

Dia a dia

Espírito Santo tem seis mortes pelo coronavírus e 1.094 casos em 24 horas