Caso Mariana Ferrer: é preciso entender o que diz o processo - ES360

Caso Mariana Ferrer: é preciso entender o que diz o processo

Na coluna Direito para Todos, o jurista Gustavo Varella comenta o impasse criminal e fala sobre a conduta do advogado de defesa na audiência polêmica

Uma reportagem publicada pelo site de jornalismo investigativo The Intercept Brasil na última terça-feira (03) expôs uma decisão confusa sobre o caso de estupro envolvendo a influencer catarinense Mariana Ferrer, ocorrido em 2018, que tramita em segredo de justiça.

De acordo com o texto, o Ministério Público (MP) de Santa Catarina decidiu pela absolvição do acusado, o empresário André de Camargo Aranha, por entender que ele não teria como “saber, durante o ato sexual, que a jovem não estava em condições de consentir a relação, não existindo portanto intenção de estuprar”, diz a reportagem. As provas coletadas apontam para a consumação do ato sexual e a vítima depõe contra o acusado e aponta a ocorrência do estupro.

A matéria atribuiu à justificativa o termo “estupro culposo”, não previsto em lei, mas que tem o significado de cometer um estupro sem a intenção de fazê-lo. Rechaçando a utilização do termo, por não ter sido usado na sentença, o MP de Santa Catarina alegou ter absolvido o acusado por falta de provas do dolo na conduta, ou seja, não conseguiram averiguar se Aranha teve a intenção de estuprar.

Na coluna Direito para Todos desta quarta-feira (04), na BandNews FM Espírito Santo, o jurista Gustavo Varella comenta o impasse criminal e fala ainda sobre a conduta do advogado de defesa na audiência polêmica.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Eleições 2020

Candidatos recebem R$ 4,1 milhões para o 2º turno; veja quem mais recebeu

Dia a dia

Covid-19: Espírito Santo tem 23 mortes e 1.789 casos em 24 horas

Mundo

“Cão de guarda” vence prêmio de foto de pet mais engraçada em 2020

País

Fiscal do Carrefour que aparece nos vídeos da morte de João Alberto Freitas é presa