Atlético-MG despacha o Botafogo na Sul-Americana - ES360

Atlético-MG despacha o Botafogo na Sul-Americana

O Galo enfrenta agora os colombianos do La Equidad, que passaram pelo Royal Pari, da Bolívia, com vitória por 2 a 1 nas duas partidas

Atlético-MG x Botafogo
Com vitória por 3 a 0 no placar agregado, o Atlético enfrenta agora os colombianos do La Equidad pela taça Sul-Americana. Foto: Bruno Cantini/Atletico

O Atlético-MG levou a melhor no duelo brasileiro contra o Botafogo e segue vivo na Copa Sul-Americana. Nesta quarta-feira, a equipe mineira venceu por 2 a 0 no Independência, em Belo Horizonte, e assegurou sua vaga nas quartas de final.

Como já tinha vencido o jogo de ida, no Rio de Janeiro, por 1 a 0, o Atlético poderia até empatar, mas voltou a vencer e se classificou com sobras.

Nas quartas de final, o Atlético enfrenta os colombianos do La Equidad, que passaram pelo Royal Pari, do Bolívia, com vitória por 2 a 1 nas duas partidas.

Entre os brasileiros, Fluminense e Corinthians também seguem vivos na competição e podem se enfrentar. O primeiro eliminou o Peñarol, do Uruguai, já está nas quartas de final e aguarda o segundo, que decide a vaga contra o Montevideo Wanderers, também uruguaio, nesta quinta.

Precisando reverter o placar do primeiro tempo, o Botafogo partiu para o ataque e dominou a partida com posse de bola no primeiro tempo. O Atlético apostava nos contragolpes e só criou algumas chances em tiros de longa distância ou aproveitando erros na saída de bola adversária.

Na melhor oportunidade antes do intervalo, o lateral Marcinho cobrou falta colocada e acertou o travessão, passando perto de abrir o placar para o Botafogo.

O Atlético melhorou na segunda etapa e praticamente sacramentou a classificação aos 31 minutos, quando Jair foi derrubado por Alan Santos dentro da área. Fábio Santos cobrou o pênalti com categoria e marcou o primeiro gol do time da casa.

Para sacramentar a vitória, Vinícius marcou o segundo gol aos 40 minutos. Ele deu início à jogada com belo passe para Ricardo Oliveira, que parou em defesa de Gatito, e pegou o rebote para dar números finais ao jogo.

Estadão Conteúdo

Mais notícias
Dia a dia

Segurança Pública no Brasil terá US$ 1,2 bilhão do BID; Espírito Santo vai mapear presos

Dia a dia

Espírito Santo tem alerta de chuva volumosa nesta segunda

Mundo

OMS diz que ‘aposta mais segura’ é renunciar às festas de Natal e Réveillon

País

Em votação unânime, STF manda governo divulgar dados integrais da pandemia