Atingidos pela lama em Linhares recebem cursos de qualificação - ES360

Atingidos pela lama em Linhares recebem cursos de qualificação

Mais de R$ 4 milhões estão sendo investidos pela Fundação Renova no projeto que tem como objetivo criar novos negócios

Moradores de Linhares, e dos distritos de Regência e Povoação, afetados pela lama de rejeitos da barragem da Samarco que atingiu o rio Doce, em novembro de 2015, estão sendo beneficiados por cursos de qualificação, assessorias técnicas, consultorias e intercâmbio de experiências para criar novos negócios. Os produtos de artesanato de um dos grupos será apresentado na feira ArteSanto, em novembro, na capital.

> Inclusão e acessibilidade são temas de debate do Reconecta
> Plano prevê fim dos lixões e ampliação de coleta seletiva

Mais de R$ 4 milhões estão sendo investidos pela Fundação Renova na qualificação. Cerca de 700 pessoas participaram das ações, entre moradores, empreendedores do ramo de artesanato, pesca e donos de restaurantes, pousadas, camping e espaço de eventos.

“Esse acompanhamento está sendo muito bom. Recebemos sugestões que nos ensinam a aproveitar melhor os materiais, dicas de acabamento, para tornar nosso artesanato melhor”, conta a artesã de Povoação, Nancy Costa Penha.

Mais notícias
Eleições 2020

Com suspeita de covid, Gandini suspende agenda de campanha em Vitória

Eleições 2020

Após denúncias de disparos em massa, 256 contas são banidas do WhatsApp

País

DOU extra traz revogação de decreto sobre PPI na saúde pública

Dia a dia

Covid-19: Espírito Santo tem 9 mortes e 788 casos em 24 horas