Argentina e Espanha ficam no 0 a 0 no Kleber Andrade - ES360

Argentina e Espanha ficam no 0 a 0 no Kleber Andrade

As equipes disputam o Mundial Sub-17 da Fifa. Após o empate, Tajiquistão e Camarões entraram em campo. O time asiático venceu a partida por 1 a 0

Espanha e Argentina não conseguiram sair do zero. Foto: Chico Guedes
Espanha e Argentina não conseguiram sair do zero. Foto: Chico Guedes

Dia de muito, véspera de pouco… A primeira rodada do Mundial Sub-17 no estádio Kleber Andrade, domingo, foi marcada por cinco gols em duas partidas do Grupo D. As seleções do Grupo E entraram em campo nesta segunda, demonstraram muita vontade, brigaram muito pela bola, mas foram pouco eficientes. Resultado: apenas um gol em 180 minutos de jogo.

A primeira partida da rodada dupla reuniu dois times de grande tradição no futebol mundial. Espanha e Argentina foram a campo com o peso de dois países vencedores de Copa do Mundo. Sobrou correria, aqui e ali surgiram dribles e jogadas de efeito, mas faltou eficiência. Alguma emoção ocorreu no final do primeiro tempo, com a marcação de um pênalti para a Espanha. Mas o VAR entrou em cena, flagrou impedimento do ataque espanhol e o pênalti foi anulado. No final da partida, torcedores vaiaram a exibição das duas equipes.

O jogo da noite pode não ter sido um primor de exibição técnica, mas ao menos tivemos gols. De pouquíssima tradição no futebol, a seleção do Tajiquistão conseguiu um ótimo resultado ao vencer Camarões. O Tajiquistão abriu o placar aos três minutos do segundo tempo, num pênalti sofrido por Soirov e convertido por Rahmatov. Dezesseis minutos mais tarde, mais emoção: a seleção do Tajiquistão marcou mais um, com Soirov. A festa, no entanto, durou pouco, porque o VAR apontou falta na origem do contra-ataque.

A marcação irritou os jogadores do Tajiquistão. No lance seguinte, Elmurodov cometeu falta dura e foi expulso. A equipe, com um a menos, teve de suportar a pressão de Camarões. Quando passavam pela marcação, os africanos esbarravam na boa atuação do goleiro Qirghizboev. Nenhum torcedor no estádio sabia pronunciar seu nome, mas ele foi aplaudido por suas boas defesas, importantes para garantir a vitória do Tajiquistão, agora líder do Grupo E.

Mais notícias
Dinheiro

Empresas não terão de pagar multa de 10% do FGTS

Esportes

Flamengo embarca para Mundial de Clubes no Catar

Dia a dia

Confira a previsão do tempo para o fim de semana

Dia a dia

Ilha das Caieiras: Restaurantes terão promoções de Réveillon