Agentes interceptam envelope com veneno enviado à Casa Branca - ES360

Agentes interceptam envelope com veneno enviado à Casa Branca

Investigadores investigam a procedência do envelope e para quem ele foi enviado. Testes apontam a presença de ricina, de sementes de mamona

Agentes federais interceptaram um envelope endereçado à Casa Branca contendo o veneno ricina. A carta foi identificada por um equipamento do governo que escaneia as correspondências direcionadas à Casa Branca e ao presidente Donald Trump. As informações foram fornecidas, neste sábado, 19, por um agente federal que afirma não poder comentar investigações em andamento

Investigadores estão trabalhando para identificar a procedência do envelope e para quem ele foi enviado. O FBI, junto com o Serviço Secreto Americano e o Serviço de Inspeção Postal dos EUA, lideram as investigações. Testes preliminares apontaram a presença do veneno ricina, presente em sementes de mamona.

Em comunicado, o FBI informou que agentes estão investigando uma “correspondência suspeita recebida em uma instalação postal do governo dos EUA”. O pronunciamento diz ainda que “não foi identificada nenhuma ameaça à segurança pública”.

Estadão Conteúdo


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais notícias
Eleições 2020

Com suspeita de covid, Gandini suspende agenda de campanha em Vitória

Eleições 2020

Após denúncias de disparos em massa, 256 contas são banidas do WhatsApp

País

DOU extra traz revogação de decreto sobre PPI na saúde pública

Dia a dia

Covid-19: Espírito Santo tem 9 mortes e 788 casos em 24 horas