A transformação digital na pecuária de corte - ES360

A transformação digital na pecuária de corte

Neste programa, Octaciano Neto conversa com Bernardo Reis, head de pecuária de corte da Prodap. Antes, nos diz o Bernardo, a máxima no campo era: “o olho do dono que engorda o boi. Só que agora o olho que não consegue olhar tudo. E através da digitalização, o produtor pode ver o que está acontecendo real time. Maximizar o desempenho.”

Segundo a ABIEC, em 2019 o agronegócio da pecuária de corte movimento no Brasil quase R$ 620 bilhões. A pecuária (dentro da porteira) isolada movimentou impressionantes R$ 127 bilhões. O Brasil tem o maior rebanho bovino do mundo e produz 14,8% da carne. Só perde em produção de carne para os EUA, que produz 17,3%.

Mesmo com números absolutos tão robustos, a realidade nas fazendas é uma enorme desigualdade produtiva: uns poucos produzem muitas arrobas por hectares e a grande maioria, produz muito pouco. A transformação digital na pecuária fará novos vencedores e perdedores.

Octaciano Neto foi secretário de Agricultura do Espírito Santo e presidente do Conselho dos Secretários de Agricultura do Brasil. É um dos líderes do RenovaBr, produtor rural e apresentador do podcast 4.0 no Campo.

Os artigos publicados pelos colunistas são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam as ideias ou opiniões do ES360.


Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Mais Colunas