A sombra refletida em exposição fotográfica na capital - ES360

A sombra refletida em exposição fotográfica na capital

A mostra do fotógrafo e desenhista Lando estará aberta à visitação a partir da quarta-feira, dia 9, na Mosaico Fotogaleria. A entrada é gratuita

Algumas crianças ou animais têm medo, outros curiosidade, mas há muito tempo as sombras são estudadas por diferentes áreas do conhecimento, como a ciência e a filosofia. Nas artes plásticas, inclusive, pode até inspirar obras de arte, como é o caso da série fotográficaSombra”, do artista capixaba Lando, em cartaz a partir da quarta-feira, dia 09, na Mosaico Fotogaleria, em Vitória.

Em suas andanças e viagens ao redor do mundo, Lando, 62, usa, desde os anos 2000, a câmera do seu celular para fazer autorretratos. Superfícies como árvores, pedras, flores e até mesmo pessoas são a base para a sombra ganhar vida. O resultado poderá ser visto nas nove fotografias escolhidas pelo curador da mostra, Lobo Pasolini, além de uma pintura.

“Acredito que a sombra é uma maneira de pensarmos nossa identidade. Com ela, nos diferenciamos uns dos outros e podemos criar novas personalidades, ainda mais nesses tempos de mudanças culturais, sociais e tecnológicas…”, conta o artista.

O interesse inusitado de Lando, à época Orlando Rosa Farya, surgiu ainda na infância. Segundo ele, com apenas 7 anos, posicionava os membros da família contra a luz e fazia um desenho de silhuetas. Fez isso por alguns anos, até amadurecer a ideia como algo profissional e um diferencial na carreira.

“Antes, era um passatempo infantil. Quando virei, de fato, fotógrafo e desenhista, entendi o que me atraía na sombra: conforme a hora do dia, ela muda de cor, de perspectiva… Essas possibilidades me interessaram. Foi quando comecei a me projetar em lugares diferentes”, explica.

Mais notícias
País

Governo fecha contrato para compra de vacinas da Pfizer

Dia a dia

Paciente transferido de Santa Catarina chega ao ES

Política

Casagrande é pré-candidato à presidência, diz PSB

Dia a dia

Maranata leva ensinamentos a pessoas com deficiência